De Havilland Canada DHC-5 Buffalo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
DHC-5 Buffalo
Avião
Descrição
Tipo / Missão Avião Turboélice de médio porte STOL
País de origem  Canadá
 Estados Unidos
Fabricante de Havilland Canada
Período de produção 1965-1986
Quantidade produzida 122
Desenvolvido de De Havilland Canada DHC-4 Caribou
Primeiro voo em 9 de abril de 1964 (57 anos)
Introduzido em 1965
Tripulação 3
Soldados 41
Especificações
Dimensões
Comprimento 24,08 m (79,0 ft)
Envergadura 29,26 m (96,0 ft)
Altura 8,73 m (28,6 ft)
Área das asas 87,8  (945 ft²)
Alongamento 9.8
Peso(s)
Peso vazio 8,164 kg (18,0 lb)
Peso máx. de decolagem 22,316 kg (49,2 lb)
Propulsão
Motor(es) 2 × General Electric CT64-820-4 turboélice, 3.133 hp (2.336 kW) cada
Performance
Velocidade máxima 467 km/h (252 kn)
Teto máximo 9,450 m (31,0 ft)
Razão de subida 11.8 m/s

DHC-5 Buffalo é uma aeronave bimotor, turboélice, de médio-porte do tipo STOL, produzida pela De Havilland Canadá entre, 1965 e 1986.[1]

Chegada dos DHC-5 Buffalo para a FAB.

A Força Aérea Brasileira operou 24 unidades a partir de 1968. A aeronave foi empregada na região amazônica, usando sua capacidade de pouso e decolagem em pistas curtas e rústicas. Prestou assistência a populações isoladas e apoio a unidades do Exército Brasileiro na fronteira. Foi primordial para a construção da infraestrutura aeronáutica da região. Foi substituído pelo Casa C-295.[2]

Durante os anos 1970, a NASA modificou algumas unidades do DHC-5, substituindo seus motores do tipo turboélice por turbinas a jato (turbofans). Algumas unidades chegaram a possuir 4 turbinas a jato.[1]

Nova produção[editar | editar código-fonte]

Em fevereiro de 2006, a Viking Air anunciou uma nova produção do DHC-5, com modificações e aperfeiçoamentos para operar como aeronaves civis e militares.[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b Greg Goebel (19 de agosto de 2001). «The De Havilland Canada DHC-4 Caribou & DHC-5 Buffalo». War is Boring. Consultado em 16 de julho de 2019 
  2. Flores, Jr., Jackson (17 de julho de 2018). Aeronaves Militares Brasileiras 1916 - 2015. Rio de Janeiro - RJ: Action Editora. ISBN 978-8585654412 
  3. «An enlarged turboprop development of the DHC-4 Caribou». BAE Systems. Consultado em 16 de julho de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma aeronave é um esboço relacionado ao Projeto Aviação. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.