Dedé Mamata

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Dedé Mamata
 Brasil
1987 •  cor •  96 min 
Direção Rodolfo Brandão
Roteiro Antônio Calmon
Vinícius Vianna
Elenco Guilherme Fontes
Malu Mader
Marcos Palmeira
Paulo Betti
Luiz Fernando Guimarães
Género drama
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

Dedé Mamata é um filme brasileiro de 1987, do gênero drama, dirigido por Rodolfo Brandão.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O filme fala sobre a alienação durante a época da ditadura militar no Brasil. Dedé é neto de avós anarquistas e de pais comunistas, mas, após crescer sempre isolado devido aos constantes deslocamentos derivados das perseguições do governo, pouco se importa para o contexto de repressão e desinteressa-se em se engajar na resistência de esquerda. Quando o pai é vítima de uma emboscada militar e desaparece, a família entra em crise, mas Dedé só quer curtir sua juventude. Sua vida, porém, se complica quando, ainda nos anos 70, começa a se envolver com a cocaína e o seu nascente tráfico.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o


Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • O filme foi um marco dos anos 80 e causou grande impacto quando exibido nos cinemas.
  • Foi um dos raros filmes brasileiros a participar da mostra competitiva do Festival de Veneza.

Ver também[editar | editar código-fonte]