Eclipse lunar de 26 de maio de 2021

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Eclipse Lunar Total
26 de maio de 2021
Lunar eclipse chart close-2021May26.png
A Lua cruzando a metade norte do cone de sombra da Terra, de oeste para leste (da direita para a esquerda), com o disco lunar avermelhado durante a totalidade.
Gamma +0.4774
Saros (e membro) 121 (55 de 82)
Sequência de eclipses lunares
Anterior 30 de novembro de 2020
Próximo 19 de novembro de 2021
Duração (hr:mn:sc)
Total 0:14:31
Parcial 3:07:27
Penumbral 5:02:09
Fases e Horários do Eclipse (UTC)
P1 8:47:39
U1 9:44:59
U2 11:11:27
Máximo 11:18:43
U3 11:25:58
U4 12:52:26
P4 13:49:47

O eclipse lunar de 26 de maio de 2021 será um eclipse lunar total, o primeiro de dois eclipses lunares do ano, e único como total. Será visível no leste da Ásia, Austrália, Oceano Pacífico e oeste América do Norte. Terá magnitude umbral de 1,0095 e penumbral de 1,9540.[1]

Visibilidade[editar | editar código-fonte]

O eclipse será visível sobre o Pacífico, Antártica, Austrália, Nova Zelândia, durante o nascer da Lua no leste da Ásia e no pôr da Lua na parte centro-oeste das Américas.

Lunar eclipse from moon-2021May26.png
Simulação da Terra vista da Lua durante o máximo da totalidade às 11 h 19 min UTC. A porção centro-sul do Oceano Pacífico, próximo às Ilhas Fiji terá a melhor observação do meio do eclipse, de onde será visível à meia-noite.
Visibility Lunar Eclipse 2021-05-26.png
Mapa de visibilidade do eclipse.

Série Saros[editar | editar código-fonte]

Esse eclipse pertence ao ciclo lunar Saros da série 121, membro de número 55, com total de 82 eclipses na série. Será o último eclipse total da série, cujo primeiro eclipse lunar total foi em 13 de julho de 1516.[2]

Referências

  1. Fred Espenak. «Total Lunar Eclipse of 2021 May 26» (PDF). EclipseWise Website. Consultado em 30 de maio de 2020 
  2. Fred Espenak. «Catálogo of Lunar Eclipses of Dados 121». EclipseWise Website. Consultado em 30 de maio de 2020 
Ícone de esboço Este artigo sobre astronomia é um esboço relacionado ao Projeto Astronomia. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.