Emmanuelle

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde março de 2012). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Emmanuelle, ou Emanuelle, é a protagonista da série de filmes eróticos soft core franceses baseados na personagem criada por Emmanuelle Arsan no livro The Joys of a Woman.

História[editar | editar código-fonte]

A personagem apareceu pela primeira vez no filme Io, Emmanuelle em 1969 e era interpretada por Erika Blanc. Ela foi recriada mais tarde em 1974 no filme Emmanuelle e era interpretada pela holandesa Sylvia Kristel, provavelmente a atriz mais famosa pelo papel. O filme ultrapassou as barreiras do que era aceitável em filmes na época, com suas cenas de sexo, estupro, masturbação, mile high club (sexo em aviões) e uma cena onde uma dançarina fuma um cigarro com sua vagina usando técnicas de pompoarismo. Diferentemente de outros filmes que tentavam evitar uma classificação adulta do MPAA, o primeiro filme de Emmanuelle abraçou o gênero e tornou-se um grande sucesso internacional. O filme é, até hoje, um dos mais bem-sucedidos filmes franceses e chegou a ser exibido nos cinemas locais por anos.

Várias continuações, começando com Emmanuelle 2, também conhecido como Emmanuelle: the joys of a woman, foram produzidas com Kristel ainda no papel principal. A personagem também começou a aparecer em diversas outras produções feitas na Itália, no Japão e nos Estados Unidos. Em diversos casos, o nome da personagem foi escrito "Emanuelle", com um m a menos, sugerindo que essas produções não eram autorizadas.

Entre as sequências mais famosas, está uma série de filmes italianos estrelados por Laura Gemser. Também foi produzida, em 1978, na Grã-Bretanha, uma paródia à personagem com o título de Carry on Emmanulle, estrelando Suzanne Danielle no papel principal e coestrelando Kenneth Williams.

Sylvia Kristel parou de interpretar Emmanuelle nos anos 1980, dando lugar a atrizes mais jovens, embora ela continuasse a fazer aparições nos filmes seguintes no papel de uma Emmanuelle mais velha. Ela também estrelou vários filmes que faziam referências à sua imagem de Emmanuelle, como a comédia erótica estadunidense Private lessons. Em 1992, Sylvia Kristel retornou à série para sete episódios televisivos, com Marcela Walerstein no papel título e o sétimo volume, Emmanuelle au 7ème ciel (1993). A série e o filme foram assinados por Francis Leroi, diretor de Emmanuelle 4.

Uma das mais conhecidas atrizes a tomar o papel de Emmanuelle nos anos 1980 foi a atriz estadunidense Monique Gabrielle.

O nível de cenas explícitas variam nos vários filmes de Emmanuelle/Emanuelle, indo de praticamente inexistentes a totalmente explícitas. Emmanuelle V, de 1987, com Monique Gabrielle no papel da protagonista, foi lançado em duas versões: uma com as cenas de sexo soft core típicas da série e uma versão disponível unicamente em vídeo, onde foram inseridas várias cenas de sexo explícito. Monique Gabrielle, embora atriz pornô, não aparece nessas cenas.

A personagem de Arsan apareceu de várias formas diferentes nos últimos anos, incluindo uma série de ficção científica feita para tevê à cabo nos anos 1990 chamada Emmanuelle in Space, estrelando a atriz e modelo estadunidense Krista Allen, na época em início de carreira. Embora Krista Allen, que depois foi estrela em Baywatch e em outros filmes, tenha dito que se arrepende de seus filmes adultos no papel de Emmanuelle, ela continua sendo vastamente identificada com a personagem.

No Brasil, os filmes de Emmanuelle ficaram famosos por sua exibição no bloco Cine Band Privé da Rede Bandeirantes durante os anos 1990 e começo dos anos 2000, com as séries estreladas por Marcela Walerstein e Krista Allen. Sylvia Kristel, a mais famosa "Emmanuelle" no país durante muito tempo, visitou o Brasil quando da liberação do seu filme de 1974, que aconteceu em 1979. Durante os compromissos promocionais, foi convidada e participou de algumas cenas da telenovela da rede Globo Espelho Mágico, tendo como parceiro de cena Cicerone o personagem de Carlos Eduardo Dolabella.[1]

Principais atrizes que interpretaram Emmanuelle[editar | editar código-fonte]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Essa é uma filmografia dos filmes protagonizados por Emmanuelle até hoje.

Série Emmanuelle (França)[editar | editar código-fonte]

Telefilmes de Emmanuelle (França)[editar | editar código-fonte]

  • Emmanuelle's Secret (1992)
  • Emmanuelle's Revenge (1992)
  • Emmanuelle's Perfume (1992)
  • Emmanuelle's Magic (1992)
  • Emmanuelle's Love (1993)
  • Emmanuelle in Venice (1993)
  • Emmanuelle Forever (1993)

Série Emmanuelle in Space (EUA)[editar | editar código-fonte]

Série Emmanuelle 2000 (EUA)[editar | editar código-fonte]

  • Emmanuelle 2000: Being Emmanuelle (2000)
  • Emmanuelle 2000: Emmanuelle and the Art of Love (2000)
  • Emmanuelle 2000: Emmanuelle in Paradise (2000)
  • Emmanuelle 2000: Jewel of Emmanuelle (2000)
  • Emmanuelle 2000: Intimate Encounters (2000)
  • Emmanuelle 2000: Emmanuelle's Sensual Pleasure (2000)
  • Emmanuelle 2000 (theatrical release, 2001)
  • Emmanuelle 2000 Emmanuelle Pie (2002)

Série Emmanuelle Private Collection (EUA)[editar | editar código-fonte]

  • Emmanuelle Private Collection: Sex Goddess (2004)
  • Emmanuelle Private Collection: Emmanuelle vs. Dracula (2004)
  • Emmanuelle Private Collection: Sex Talk (2004)
  • Emmanuelle Private Collection: The Sex Lives of Ghosts (2004)
  • Emmanuelle Private Collection: Sexual Spells (2004)
  • Emmanuelle Private Collection: The Art of Ecstasy (2006)
  • Emmanuelle Private Collection: Jesse's Secrets Desires (2006)
  • Emmanuelle Tango (theatrical release, 2006)

Série Emmanuelle Through Time (EUA)[editar | editar código-fonte]

  • Emmanuelle Through Time: Emmanuelle's Skin City (2011)
  • Emmanuelle Through Time: Emmanuelle's Sexy Bite (2011)
  • Emmanuelle Through Time: Sex, Chocolate & Emmanuelle (2011)
  • Emmanuelle Through Time: Rod Steele 0014 & Naked Agent 0069 (2011)
  • Emmanuelle Through Time: Emmanuelle's Supernatural Activities (2011)
  • Emmanuelle Through Time: Emmanuelle's Sex Tales (2011)
  • Emmanuelle Through Time: Emmanuelle's Forbidden Pleasures (2011)
  • Emmanuelle in Wonderland (theatrical release, 2012)

Telefilme de Emmanuelle (EUA)[editar | editar código-fonte]

Documentário[editar | editar código-fonte]

  • Emmanuelle: A Hard Look (2000)

Outros filmes[editar | editar código-fonte]

Um grande número de filmes, especialmente do gênero sexploitation e, por vezes, de forma retroativa, incluído o nome de "Emmanuelle" ou suas variantes em seus títulos (pelo menos em alguns de seus lançamentos) por razões de exploração, embora nenhum deles havia sido legalmente ou artisticamente relacionado à série original ou seu personagem-título.

O mais importante desses filmes são os filmes italianos "Black Emanuelle" que criou uma sequência.

Tais filmes incluem:

  • Io, Emmanuelle (1969), dirigido por Cesare Canevari.
  • Swap Meat at the Love Market (Emanuelle Meets the Wife Swappers,Liebesmarkt,1973), dirigido por Hubert Frank.
  • Amore libero - Free Love (The Real Emanuelle, 1973), dirigido por Pier Ludovico Pavoni.
  • Tender and Perverse Emanuelle, 1973, dirigido por Jess Franco.
  • Lust and Desire (I desideri di Emanuelle, Le désir et la volupté , 1973), dirigido por Lucien Duval.
  • Emanuelle's Revenge (1975), directed by Joe D'Amato.
  • Hot Acts of Love (Le calde labbra di Emanuelle, Body Games, L'amour aux trousses, 1975) dirigido por Jean-Marie Pallardy
  • Tokyo Emmanuelle (1975), dirigido por Akira Katō
  • La Marge (1976) (também lançado como Emmanuelle 77), dirigido por Walerian Borowczyk.
  • Laure (1976) (também lançado como Forever Emmanuelle), dirigido por Emmanuelle Arsan.
  • Néa (1976) (also released as A Young Emmanuelle), dirigido por Nelly Kaplan.
  • Annie (Teenage Emanuelle, La fine dell'innocenza, 1976, dirigido por Massimo Dallamano
  • Emmanuelle on Taboo Island (La Spiaggia del desiderio, 1976), dirigido por Enzo D'Ambrosio & Humberto Morales.
  • Black Emmanuelle, White Emmanuelle (Velluto nero,Emanuelle in Egypt 1976), dirigido por Brunello Rondi.
  • Emmanuelle in Tokyo, Wild Emmanuelle, 1976) dirigido por Akira Kato.
  • Emanuelle:Black and White (Black Emanuelle, White Emmanuelle, Passion Plantation, 1976), dirigido por Mario Pinzauti.
  • Yellow Emanuelle (Il Mondo dei sensi di Emy Wong 1977), dirigido por Bitto Albertini.
  • Sister Emanuelle (1977), dirigido por Giuseppe Vari.
  • Vanessa (1977), dirigido por Hubert Frank.
  • Hong Kong Emmanuelle (1977) dirigido por Wah Man.
  • Blonde Emanuelle 3-D (Disco Dolls in Hot Skin, 1977), dirigido por Stephen Gibson
  • Felicity (1978), dirigido por John D. Lamond.
  • Fury (La mujer de la tierra caliente, Musta Emanuelle - kuuman maan nainen, 1978) dirigido por José María Forqué
  • Emanuelle Tropical (1978) dirigido por J. Marreco
  • Emanuelle and Lolita (1978), dirigido por Henri Sala
  • Emanuelle and the Erotic Nights (Emanuelle e le porno notti nel mondo n. 2, 1978), dirigido por Bruno Mattei/Joe D'Amato.
  • Emanuelle y Carol (1978), dirigido por Ignacio F. Iquino.
  • Carry on Emmanuelle (1978) dirigido por Gerald Thomas.
  • Emanuelle in the Country (L'Infermiera di campagna, 1978), dirigido por Mario Bianchi.
  • Emanuelle: Queen of Sados (I mavri Emmanouella, Emanuelle's Daughter 1979), dirigido por Elia Milonakos.
  • Emmanuelle & Joanna (Il mondo porno di due sorelle,1979), dirigido por Franco Rossetti.
  • Kasımpaşalı Emmanuel (1979), dirigido por Sırrı Gültekin
  • Emanuele 3: An Erotic Journal of a Lady From Thailand (Le journal érotique d'une Thailandaise, 1980), dirigido por Jean-Marie Pallardy.
  • Emanuelle Goes To Cannes, 1980, dirigido por Jean-Marie Pallardy.
  • Divine Emanuelle (Die Todesgöttin des Liebescamps, Love Camp 1981), dirigido por Christian Anders.
  • Emmanuelle in Soho (1981), dirigido por David Hughes
  • Inconfessable Orgies of Emmanuelle (1982), dirigido por Jess Franco.
  • Kung Fu Emanuelle (1982) dirigido por John Liu.
  • Emanuelle: Queen of the Desert (La Belva dalle calda pelle, 1982), dirigido por Bruno Fontana.
  • Violence in a Women's Prison/Emanuelle Reports from a Women's Prison (Violenza in un carcere femminile, 1982), dirigido por Bruno Mattei.
  • Emanuelle Escapes from Hell (Emanuelle fuga dall'inferno, 1983), dirigido por Bruno Mattei.
  • Voglia di guardare (Skandalöse Emanuelle - Die Lust am Zuschauen, 1986), dirigido por Joe D'Amato.
  • Lady Emanuelle (Tradita a morte, 1989, dirigido por Pasquale Fanetti

Referências

  1. «Musa de "Emmanuelle" morre aos 60». Folha de S. Paulo. 19 de outubro de 2012 
  2. a b c d «Há 40 anos estreava 'Emmanuelle', um clássico do cinema erótico». extra.globo.com  - Extra
  3. «Krista Allen - Biography - Movies & TV». www.nytimes.com  - NYTimes.com
  4. «Allie Haze est la nouvelle Emmanuelle». www.hotvideo.fr. Consultado em 12 de janeiro de 2015. Arquivado do original em 17 de maio de 2011  Hot Vidéo
  5. «Allie Haze Generates Buzz at Cannes». XBIZ. 17 de maio de 2011 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]