Estação Quai de la Rapée

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Quai de la Rapée
A estação vista para o noroeste
Uso atual Estação de metropolitano
Administração RATP Metrô de Paris
Linhas Linha 5
Código 09-10
Tipo de estação Elevada
Plataforma 2
Informações históricas
Nome antigo Mazas
Inauguração 13 de julho de 1906
Localização
Localização Place Mazas
Próxima estação
Sentido Bobigny - Pablo Picasso Paris m 5 jms.svg Sentido Place d'Italie
Bastille Gare d'Austerlitz
Quai de la Rapée

Quai de la Rapée é uma estação da linha 5 do Metrô de Paris, localizada no 12.º arrondissement de Paris.

Localização[editar | editar código-fonte]

A estação se situa no exterior entre a pont Morland e a voie Georges Pompidou, ao noroeste do quai de la Rapée, acima do canal Saint-Martin onde ela tem vista para um dos bloqueios levando para o Sena por um viaduto metálico em treliça, a pont-métro Morland.

Na direção de Place d'Italie, o metrô se junta à Gare d'Austerlitz atravessando o rio Sena pelo Viaduc d'Austerlitz.

Antes de embarcar nesta viaduto na direção da estação de metrô Gare d'Austerlitz, através da estação de trem de mesmo nome, o caminho passa para a direita em torno do Instituto Médico Legal (necrotério) de Paris, em um viaduto helicoidal chamado Viaduc du quai de la Rapée.

História[editar | editar código-fonte]

A estação foi aberta em 1906.

Em 13 de julho de 1906, a linha 5 vindo da Place d'Italie atravessava o rio Sena pelo Viaduc d'Austerlitz para a estação, que se tornou temporariamente seu terminal. A partir de 1 de agosto, a fim de facilitar as correspondências, os metrôs voltavam para trás para a estação Gare de Lyon utilizando uma via de serviço que ainda existe. Esta operação durou até 17 de dezembro de 1906, data em que a linha foi estendida até a estação Lancry (tornada Jacques Bonsergent em 1946).

Em 2011, 1 201 924 passageiros entraram nesta estação[1]. Ela viu entrar 986 508 passageiros em 2013, o que coloca na 290ª posição das estações de metro para a sua presença no 302[2][3].

Denominação da estação[editar | editar código-fonte]

Esta estação foi chamada originalmente Mazas, antiga prisão parisiense com o nome de Jacques François Marc Mazas (1765-1805), que foi coronel e morreu na batalha de Austerlitz.

Mais tarde, ela levou o nome de Pont d'Austerlitz em 15 de outubro de 1907, e finalmente, seu nome atual em 1 de junho de 1916, em memória do comissário das Guerras do rei Luís XV, Monsieur de la Rapée, que possuía uma propriedade que deu seu nome ao bairro.

Serviços aos Passageiros[editar | editar código-fonte]

Acesso[editar | editar código-fonte]

A estação tem um único acesso que leva para a place Mazas.

Intermodalidade[editar | editar código-fonte]

A estação é servida a uma pequena distância pelas linhas 24, 57, 61, 63 e 91 da rede de ônibus RATP e, à noite, pelas linhas N01, N02 e N31 da rede Noctilien.

Pontos turísticos[editar | editar código-fonte]

Depois da estação, que é exterior, se vê e se acede o Sena.

Desde o fechamento em 1939 da estação muito próxima Arsenal, a estação Quai de la Rapée é também usada no serviço do porto fluvial da bacia do Arsenal.

Cinema[editar | editar código-fonte]

É nesta estação que executa uma grande parte do enredo do filme La Grosse Caisse (1965), no qual Bourvil desempenha o papel de um pinçador, também autor de um romance policial.

Galeria de fotografias[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Entradas anuais provenientes de fora da estação (via pública, correspondências de ônibus, rede SNCF, etc.) Arquivado em 18 de julho de 2014, no Wayback Machine., no site data.ratp.fr. Consultado em 5 de novembro de 2012.
  2. Tráfego anual de entradas por estação (2013) Arquivado em 8 de março de 2013, no Wayback Machine., no site data.ratp.fr, consultado em 31 de agosto de 2014.
  3. O número de 302 estações não inclui a estação fictícia Funicular de Montmartre. Esta última é de fato considerada como uma estação de metrô (e dois pontos de parada) pela RATP e anexada estatisticamente à linha 2, razão pela qual a RATP anuncia 303 estações e não 302 em 2013.

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Estação Quai de la Rapée