Fibrossarcoma

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Fibrosarcoma
Microscopia eletrônica de um fibrossarcoma.
Especialidade oncologia
Classificação e recursos externos
CID-10 C49 (ILDS C49.M42)
CID-9 171.9
ICD-O: M8810/3
OMIM 117600
MeSH D005354
A Wikipédia não é um consultório médico. Leia o aviso médico 

Fibrossarcoma é um tumor de tecidos moles raro de origem mesenquimatosa com predomínio de fibroblastos. Produzem colágenio fibroso formando uma massa dura local. Pode ser múltiplo[1]

Diagnóstico[editar | editar código-fonte]

Ao microscópio pode ser confundido com um tumor desmoide, histiocitoma fibroso maligno, schwannoma maligno e osteossarcoma de alto grau. Pode ser diagnosticado por Raio X, TC, PET ou RM.[1]

Prevalência[editar | editar código-fonte]

A incidência de sarcomas ósseos é de 1 em cada 100.000 habitantes por ano, dos quais apenas 5% deles são fibrossarcomas. Geralmente aparece em fêmur, tíbia, costelas ou mandíbula entre os 30 e 60 anos.[1]

Em gatos[editar | editar código-fonte]

Em gatos pode ser induzido pela vacina antirrábica ou anti-leucemia felina.[2]

Referências

  1. a b c http://sarcomahelp.org/fibrosarcoma.html
  2. Chang H, Ho S, Lo H, Tu Y, Jeng C, Liu C, Wang F, Pang V (2006). "Vaccine-associated rhabdomyosarcoma with spinal epidural invasion and pulmonary metastasis in a cat". Vet Pathol 43 (1): 55–8. doi:10.1354/vp.43-1-55. PMID 16407487.