Fire Woman

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"Fire Woman"
Capa do vinil de 7" (RU)
Single de The Cult
do álbum Sonic Temple
Lado B "Automatic Blues" (Vinil de 7") [1]
Lançamento 12 de Março de 1989
Formato(s) Vinil 7" e 12", Cassete, CD
Gravação 1988
Gênero(s) rock, hard rock
Duração 5:11
Gravadora(s) Beggars Banquet Records
Composição Ian Astbury, Billy Duffy
Produção Bob Rock
Cronologia de singles de The Cult
"Wild Flower"
(1987)
"Edie (Ciao Baby)"
(1989)
Amostra de áudio
informação do ficheiro · ajuda

"Fire Woman" é uma canção de rock da banda The Cult, escrito pelo vocalista Ian Astbury e o guitarrista Billy Duffy. Foi o primeiro single de seu quarto álbum de estúdio Sonic Temple, e posteriormente foi apresentado em todas as compilação de The Cult, além de ser uma presença constante nas performances ao vivo da banda. Alcançou a posição #2 na Modern Rock Tracks nos EUA e #46 na Billboard Hot 100 Singles nos EUA. Chegou a #1 na Nova Zelândia e #15 no UK Singles Chart. Duas versões remixadas foram lançadas como lados B ou promoções - "Fire Woman (LA Rock Mix)"e "Fire Woman (NYC Rock Mix)".

Esta canção foi também utilizada durante os créditos finais de cada transmissão brasileira da Fórmula 1, temporada de 2007.

Crush 40, mais conhecidos pelas suas contribuições para a série de jogos de vídeo Sonic the Hedgehog, apresentou um cover de "Fire Woman" como parte de sua colectânea de 2009 "The Best of Crush 40 - Super Sonic Songs" e também no álbum ao vivo "Crush 40 Live!"

Em 2013, a música foi usada no episódio Viagem ao Centro da TARDIS, da série Doctor Who.

Faixas[editar | editar código-fonte]

Vinil 7"
  • A Side : "Fire Woman"
  • B Side : "Automatic Blues"
Vinil 12"
  • A Side : "Fire Woman", "Automatic Blues"
  • B Side : "Messing Up the Blues"
  • A Side : "Fire Woman (LA Rock Mix)"
  • B Side : "Fire Woman (NYC Rock Mix)"

Todas as faixas acima são de singles do RU.

Referências