Guerra dos Seis Dias (2000)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre a guerra entre Uganda e Ruanda em 2000. Para o conflito árabe-israelense em 1967, veja Guerra dos Seis Dias.
Guerra dos Seis Dias
Parte da(o) Segunda Guerra do Congo
Cimetière Mémorial de la guerre de 2000.JPG
Memorial cemetery of the Guerre des Six Jours of 2000
Data 5–10 de Junho de 2000
Local Kisangani, República Democrática do Congo
Desfecho vitória ruandesa
  • Forças ruandesas tomam Kisangani
  • Exército ugandês se retira ao norte
Combatentes
 Ruanda  Uganda
Vítimas
desconhecidas 2.000 mortes~ (estimativa)[1]
Total de vítimas: c. 1.000 mortes, 3.000 feridos (estimativa)[2]

Guerra dos Seis Dias (em francês: Guerre des Six Jours) compreendeu de uma série de confrontos armados entre as forças ugandesas e ruandesas em torno da cidade de Kisangani, na República Democrática do Congo, entre 5 a 10 de junho de 2000. A guerra fez parte da Segunda Guerra do Congo (1998-2003).

Kisangani também foi cenário de violência entre as tropas de Ruanda e Uganda em agosto de 1999 e 5 de maio de 2000. No entanto, os conflitos de junho de 2000 foram os mais letais e danificaram seriamente grande parte da cidade, com mais de 6.600 disparos. [3]

De acordo com Justice et Libération, uma organização de direitos humanos sediada em Kisangani, a violência causou cerca de 1.000 mortes e feriu pelo menos 3.000, a maioria deles civis. [2]

O conflito é chamado "Guerra dos Seis Dias", não só devido à sua duração literal de seis dias, mas também porque compartilhou as mesmas datas que a Guerra dos Seis Dias entre Israel e os Estados árabes em 1967.

Referências

  1. Revealed: 2,000 UPDF troops died in Kisangani by Dennis Otim - Uganda Correspondent
  2. a b La Guerre des Six Jours, P. André Balusia, Monfortain, afriqueespoire.com.
  3. Kisangani : commémoration du 6e anniversaire de la guerre de six jours, David Tshiala, Le Potentiel, 15 juin 2006.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]