Guia dos Quadrinhos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Guia dos Quadrinhos
Requer pagamento? não
Gênero banco de dados de história em quadrinhos públicada no Brasil
Cadastro opcional
País de origem Brasil
Idioma(s) português
Lançamento Março de 2007
Desenvolvedor Edson Diogo
Proprietário coletivo
Página oficial http://www.guiadosquadrinhos.com/

Guia dos Quadrinhos é uma base de dados brasileira criada com o objetivo de catalogar todos os quadrinhos publicados no Brasil, sejam graphic novels, revistas, fanzines ou publicações independentes.[1][2]

História[editar | editar código-fonte]

Edson Diogo, criador do Guia dos Quadrinhos, era responsável pela seção "guia de preços" da edição brasileira da revista Wizard durante os anos 1990. A dificuldade de conseguir informações confiáveis sobre os quadrinhos brasileiros na época o inspirou a criar a base de dados. A primeira versão do Guia dos Quadrinhos foi ao ar em 2006 e era atualizada manualmente por Edson após receber informações enviadas pelos leitores. Em 2007, após sugestão do jornalista Ricardo Soneto, o projeto se tornou uma base de dados colaborativa e teve seu lançamento oficial.[1][3][4]

Estrutura[editar | editar código-fonte]

A base de dados do Guia dos Quadrinhos registra todas as informações sobre os quadrinhos lançados no Brasil, como data de publicação, editora, gênero, tamanho e preço. Para cada edição de revistas ou graphic novels, há a possibilidade de registrar individualmente cada história, assim como autores, personagens e arcos. No caso de edições brasileiras de material estrangeiro, é possível indicar a obra original, com capa e dados completos.[4][5]

Também há uma lista de autores e editoras, com uma lista de obras nas quais participarão. O Guia dos Quadrinhos também tem um blog, um espaço para a publicação de pesquisas sobre quadrinhos e uma rede social na qual os usuários podem relacionar e divulgar suas coleções. Todas as informações são registradas por colaboradores. Capas são postadas apenas após a aprovação da equipe do site e, em alguns casos, após restauração digital feita por Edson caso o quadrinho original seja muito antigo e raro. Novos dados são checados regularmente.[6][2]

Festival Guia dos Quadrinhos[editar | editar código-fonte]

Em 2009, o Festival Guia dos Quadrinhos foi organizado pela primeira vez (até 2013, era chamado de Mercado das Pulgas). O evento ocorre duas vezes por ano em São Paulo e tem como principal objetivo abrir espaço para colecionadores venderem e trocarem seus quadrinhos e materiais afins. Desde 2009, o Festival também possui estandes para artistas e editoras, assim como palestras com artistas e profissionais da área.[7][8][9]

Livros[editar | editar código-fonte]

Em 2017, o Guia dos Quadrinhos publicou um livro em homenagem a Jack Kirby (Os mundos de Jack Kirby: um tributo ao rei dos quadrinhos, ISBN 978-85-922667-0-7). Organizado por Edson e pelo quadrinista Will, o livro contou com 100 artistas brasileiros, que desenharam os mais importantes personagens criados por Kirby junto com textos descritivos. O livros foi financiado por crowdfunding através do site Catarse.[10]

Em 2018, um novo livro foi lançado, também por financiamento coletivo, desta vez em homenagem ao selo Vertigo (Vertigo: além do limiar, ISBN 978-85-922667-1-4). 25 escritores e 25 artistas participaram do livro, que também trouxe entrevistas com Karen Berger, Jamie Delano e Peter Milligan.[11]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Em 2017, o Guia dos Quadrinhos ganhou o Troféu HQ Mix na categoria "grande homenagem" pelos 10 anos do site.[12]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]