Hispasat

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Hispasat
Tipo Sociedade anônima
Indústria Satélites de comunicações
Fundação 1989 (29 anos)
Sede Madri, Espanha
Empregados 176[1]
Produtos Internet, televisão, rádio e comunicações móveis via satélite
Subsidiárias Hispasat Brasil
Hispamar
Hispasat Canarias
Hisdesat
Acionistas Abertis
Eutelsat
SEPI
CDTI
Faturamento €200,3 milhões (2012)[1]
Website oficial www.hispasat.com

Hispasat, S.A é um operador de satélites de comunicações espanhol que oferece cobertura na América, Europa e no Norte da África. Foi fundada em 1989, sua área de atuação se concentra nos serviços de comunicação nos setores comercial e governamentais.

O primeiro satélite lançado designava-se Hispasat 1A, e o seu lançamento ocorreu em 11 de Setembro de 1992 usando um Ariane 4, a partir do Centro Espacial de Kourou, na Guiana Francesa, e colocado em órbita geoestacionária a 36.000 km de altura em relação à linha do Equador a 30° Oeste.

Estrutura societária e acionária

Antigo logotipo da Hispasat, usado de 2001 até maio de 2017.

O Grupo Hispasat é formado pela Hispasat S.A., suas subsidiárias Hispasat Canarias, Hispamar Satélites (joint venture da Hispasat com a operadora de telefonia brasileira Oi), a Hispasat Brasil e as empresas associadas Hisdesat Servicios Estratégicos e Galileo Sistemas e Serviços.

A gama de acionistas da Hispasat demonstra a natureza estratégica da empresa, tanto para o governo quanto para o mercado espanhol de telecomunicações. Em 2012, os acionistas da Hispasat incluíam representantes do setor público espanhol, a Sociedad Estatal de Participaciones Industriales (SEPI), com 7,41%, e o Centro para el Desarrollo Tecnológico Industrial (CDTI), com 1,85%, e a Eutelsat, com 33,6% e Abertis, um grupo especializado em gestão de infraestrutura e serviços de telecomunicações, com 40,6%.[2]

Em 21 de fevereiro de 2012, a imprensa informou que a Telefónica venderia suas ações da Hispasat para a Abertis[3] e o governo espanhol autorizou a venda em dezembro de 2012.

A Abertis comprou 16,42% da Hispasat do Ministério da Defesa espanhol em 25 de julho de 2013, aumentando a participação na empresa para 57,05% — com a Eutelsat com 33,69%, a SEPI com 7,41% e o CDTI com 1,85%.[4]

Satélites

Satélites lançados

Nome Data de lançamento Uso / Construtor / Lançador Posição orbital / Transponders / Cobertura
Hispasat 1A[5] 10 de setembro de 1992 Televisão digital e comunicações governamentais e militares / Matra Marconi Space / Arianespace Inativo desde julho de 2003[6]
Hispasat 1B[7] 22 de julho de 1993 Televisão digital e comunicações governamentais e militares / Matra Marconi Space / Arianespace Inativo desde 6 de junho de 2006[8]
Hispasat 84W-1[9][10] 3 de fevereiro de 2000 Televisão digital e serviços de rádio, assim como redes VSAT / Alcatel Space / Atlas 30º Oeste / 24 transponders em banda Ku / Europa, Norte da África, América
Hispasat 30W-4[11][12] 18 de setembro de 2002 Substituiu os satélites Hispasat 1A e 1B em serviços civis / Alcatel Space / ILS 30º Oeste / 28 transponders em banda Ku / Europa, Norte da África, América
Hispasat 55W-1[13][14](Amazonas 1) 5 de agosto de 2004 Comunicações civis / EADS Astrium / ILS Inativo desde 23 de junho de 2017[15]
XTAR-EUR[16][17] 12 de fevereiro de 2005 Uso militar / Space Systems/Loral / Arianespace 29º Leste / 12 transponders em banda X / Europa, África, Oriente Médio
Spainsat[18][19] 11 de março de 2006 Uso militar Info / Space Systems/Loral / Arianespace 30º Oeste / 13 transponders em banda X e 1 transponder em banda Ka / América, Europa, África
Amazonas 2[20][21] 1 de outubro de 2009 Comunicações civis / EADS Astrium / Arianespace 61º Oeste / 54 transponders em banda Ku e 10 transponders em banda C / América
Hispasat 30W-5[22][23] 29 de dezembro de 2010 Comunicações civis / Space Systems/Loral / Arianespace 30º Oeste / 53 transponders em banda Ku / Europa, Norte da África, América
Amazonas 3 7 de fevereiro de 2013 Comunicações civis / Space Systems/Loral / Arianespace 61º Oeste / 33 transponders em banda Ku e 13 transponders em banda Ka e 19 transponders em banda C / América
Hispasat 74W-1 22 de março de 2014 Comunicações civis / Orbital Sciences Corporation / Arianespace 74º Oeste / 24 transponders em banda Ku / América
Hispasat 36W-1 27 de janeiro de 2017 Comunicações civis / OHB-System GmbH / Arianespace 36º Oeste / 24 transponders em banda Ku e 3 transponders em banda Ka / Europa, Norte da África, América
Amazonas 5 12 de setembro de 2017 Comunicações civis / Space Systems/Loral / PBM 61º Oeste / 35 transponders em banda Ka e 24 transponders em banda Ku / América

Satélites em construção

Nome Ano previsto para o lançamento Uso / Construtor / Lançador Posição orbital / Transponders / Cobertura
Paz 2018 Uso militar / Astrium Espanha / Kosmotras Órbita polar / Radar de abertura sintética em banda X e ótica / -
Ingenio 2019 Uso militar / Astrium Espanha / ? - / Instrumento Ótico (Observação) / -
Hispasat 30W-6 2018 Comunicações civis / Space Systems/Loral / Arianespace 30º Oeste / 48 transponders em banda Ku, 6 transponders em banda Ka e 1 transponder em banda C / Europa, Norte da África, América

Satélites cancelados

Nome Observação Uso Posição orbital / Transponders / Cobertura
Amazonas 4B Inicialmente previsto para ser lançado em 2015, mas o projeto foi suspenso em 2014, devido a falha parcial do Amazonas 4A. E foi posteriormente cancelado e substituído pelo Amazonas 5 Comunicações civis 61º Oeste / ? / América
HisNorSat Inicialmente previsto para ser lançado em 2014, mas o projeto foi suspenso em setembro de 2012 Uso militar, fruto de um acordo de colaboração entre Espanha e Noruega - / 40 transponders em banda Ka e banda X / Desde Austrália até a América

Ver também

Referências

Ligações externas