Interlagos (bairro de São Paulo)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Interlagos
Bairro de Interlagos.jpg
Bairro de São Paulo Bandeira da cidade de São Paulo.svg
Área: 2,25 km²
Dia Oficial: 27 de agosto
Fundação: 1920 (95 anos)
Distrito: Cidade Dutra
Subprefeitura: Capela do Socorro
Região Administrativa: Sul

Interlagos é um bairro nobre localizado no distrito de Cidade Dutra no extremo da zona sul da cidade brasileira de São Paulo.[1]

História[editar | editar código-fonte]

Em 1920 o engenheiro britânico Louis Romero Sanson adquiriu terras entre as Represas de Guarapiranga e Billings; o mesmo planejava construir um resort de luxo no local, um bairro balneário planejado visando à elite paulistana; contou com a ajuda do urbanista francês Alfred Agache que percebeu uma semelhança daquela região com a cidade de Interlaken, na Suiça.[2]

Desta parceria iniciou-se à implantação do bairro Balneário Satélite da Capital, que tinha como principal objeto de escopo, atrair as pessoas de alto nível social, moradores da capital. Para tal foi criada uma praia artificial com areia vinda de Santos, junto às margens da Represa Guarapiranga.

O projeto inicial do bairro previa, além de casas, muitas áreas de lazer e também um ginásio de esportes, mas, com a crise da quebra da bolsa nos Estados Unidos na década de 30, a implantação do projeto de construção do bairro foi abandonada e somente na década seguinte, Louis Romero Sanson pôde retomar seus projetos para a região. 

Na época um grave acidente em uma corrida internacional de carros nas ruas da cidade, que começavam a ficar popular, levantou a necessidade de São Paulo ter um autódromo definitivo. Em uma parceria com o Automóvel Clube do Brasil, Sanson priorizou a criação e construção de um circuito na Cidade Balneário, o que deu origem ao autódromo de Interlagos, em um traçado que fez inspirado nas pistas de Indianápolis, nos Estados Unidos, Brooklands, na Inglaterra, e Monthony, na França.

Características[editar | editar código-fonte]

Está situado na margem direita da Represa Guarapiranga; onde há diversos bolsões residenciais de alto padrão localizados em torno do Parque Jacques Cousteau.

Totalmente arborizado, sua topografia é considerada das mais peculiares da capital paulista. encontra-se inserido em área de proteção de mananciais e por isso possui uma ocupação rarefeita com grande permeabilidade do solo. por todas essas características, o seu tombamento foi realizado pelo CONPRESP em 2004.[3]

Corresponde à Z1 na classificação do Plano Diretor da Cidade, ou seja, é um bairro estritamente residencial. Ocupa uma área de aproximadamente 2,25 km², com seu perímetro determinado pelas seguintes vias: Avenida Atlântica, Rua Leonardo Di Fásio, Avenida do Rio Bonito, Avenida Interlagos e Rua Nicolau Alayon.

Pertencente ao distrito de Cidade Dutra está próximo ao Autódromo de Interlagos e boa parte da população local acredita que o bairro de Interlagos esteja situado, sob influências do Autódromo, em todas cercanias do mesmo, o que torna toda região popularmente conhecida como Interlagos.

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia de São Paulo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências