Jan Potocki

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Jan Potocki
Nascimento 8 de março de 1761
Pikov
Morte 2 de dezembro de 1815
Uladivka
Cidadania República das Duas Nações, Império Russo
Progenitores Mãe:Anna Teresa Potocka
Pai:Stanisław Potocki
Cônjuge Julia Potocka, Konstancja Potocka
Filho(s) Alfred Potocki, Artur Potocki
Irmão(s) Seweryn Potocki
Ocupação antropólogo, historiador, escritor, engenheiro, arqueólogo
Prêmios Ordem da Águia Branca, Ordem de São Vladimir, 1.ª classe, Ordem de Santo Estanislau
Título conde
Causa da morte trauma balístico

Jan Potocki (Pikov, 8 de março de 1761Uladivka, 2 de dezembro de 1815) foi um nobre, militar, etnólogo, egiptólogo, linguista e autor polaco.[1]

Sua obra mais famosa é "The Manuscript Found in Saragossa" (O Manuscrito encontrado em Saragoça),[2] romance formado por uma sequência de histórias curtas interligadas, publicado integralmente apenas em 1958, sendo reconhecido como um dos primeiros escritos da chamada literatura fantástica.[2]

Referências

  1. «Potocki, Jan (1761-1815)» (em espanhol). MCNBiografias. Consultado em 28 de maio de 2015. Cópia arquivada em 17 de março de 2015 
  2. a b Italo Calvino (2010). Contos Fantásticos do Século XIX. [S.l.]: Companhia das letras. 21 páginas. 978-85-359-0505-1