John Adams (compositor)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Se procura outros significados de John Adams, veja John Adams (desambiguação).
John Coolidge Adams
Nascimento 15 de fevereiro de 1947 (75 anos)
Worcester
Nacionalidade americano
Cidadania Estados Unidos
Alma mater
Ocupação compositorclarinete
Prémios Prémio Pulitzer de Música (2003)
Empregador San Francisco Conservatory of Music, Royal Academy of Music
Obras destacadas Nixon in China, Doctor Atomic Symphony, Guide to strange places, Harmonielehre
Página oficial
https://www.earbox.com

John Coolidge Adams (Worcester, 15 de fevereiro de 1947) é um compositor estadunidense com fortes raízes no minimalismo. Seus trabalhos mais conhecidos incluem Short Ride in a Fast Machine (1986), On the Transmigration of Souls (2002), uma peça coral dedicada às vítimas dos ataques de 11 de Setembro de 2001 (peça pela qual recebeu o Prêmio Pulitzer de Música em 2003), e Shaker Loops (1978), um trabalho minimalista para cordas, em quatro movimentos. Suas óperas mais conhecidas são Nixon in China (1987), sobre a visita de Richard Nixon à China em 1972, e Doctor Atomic (2005), que conta a história do Projeto Manhattan, sobre a iniciativa que resultou na produção das primeiras bombas atômicas durante a Segunda Guerra Mundial.

Vida e carreira[editar | editar código-fonte]

Nascido em Worcester (Massachusetts), John Adams passou por várias cidades da Nova Inglaterra, onde foi fortemente influenciado pela cultura musical. Graduou-se na Escola Concord, em Concord (New Hampshire). Seu pai lecionava clarinete e foi clarinestista em conjuntos comunitários. Ele, posteriormente, estudou o instrumento seriamente com Felix Viscuglia, clarinetista da Orquestra Sinfônica de Boston.

Adams começou a compor aos dez anos de idade, e sua música foi interpretada pela primeira vez por volta dos seus treze ou quatorze anos. Após matricular-se na Universidade Harvard, em 1965, estudou composição com Leon Kirchner, Roger Sessions, Earl Kim e David Del Tredici. Durante a época de Harvard, ele regeu a Orquestra da Sociedade Bach e foi clarinetista reserva da Orquestra Sinfônica de Boston e da Companhia de Ópera de Boston. Apresentou-se como solista no Carnegie Hall, na première mundial do Concerto para Clarinete de Walter Piston. Ele recebeu duas graduações de Harvard, em 1971 a 1972. Lecionou no Conservatório de Música de São Francisco, de 1972 a 1984.

Adams trabalhou em um estúdio de música eletrônica no Conservatório de Música de São Francisco, construindo seu próprio sintetizador analógico. Atuou também como maestro do Conjunto Nova Música, um pequeno mas dedicado grupo de jovens e talentosos músicos.

Alguns dos seus principais trabalhos são Wavemaker (1977), Phrygian Gates for solo piano (1977), Shaker Loops (1978), Common Tones in Simple Time (1979), Harmonium (1980–81), Grand Pianola Music (1982), Light Over Water (1983), Harmonielehre (1984–85), The Chairman Dances (1985), Short Ride in a Fast Machine (1986) e Nixon in China (1985–87).

Obras[editar | editar código-fonte]

Óperas[editar | editar código-fonte]

  • (1985–87) Nixon in China
  • (1991) The Death of Klinghoffer
  • (1995) I Was Looking at the Ceiling and Then I Saw the Sky
  • (2000) El Niño
  • (2005) Doctor Atomic
  • (2006) A Flowering Tree

Orquestrais[editar | editar código-fonte]

  • (1979) Common Tones in Simple Time
  • (1980) Harmonium
  • (1983) Shaker Loops
  • (1985) Harmonielehre
  • (1985) The Chairman Dances
  • (1986) Tromba Lontana
  • (1986) Short Ride in a Fast Machine
  • (1988) Fearful Symmetries
  • (1989) Eros Piano
  • (1993) Violin Concerto, vencedor de 1995 Grawemeyer Award
  • (1991) El Dorado
  • (1995) Lollapalooza
  • (1996) Slonimsky's Earbox
  • (1997) Century Rolls
  • (1998) Naive and Sentimental Music
  • (2001) Guide to Strange Places
  • (2002) On the Transmigration of Souls
  • (2003) My Father Knew Charles Ives
  • (2003) The Dharma at Big Sur
  • (2007) Doctor Atomic Symphony

Voz e orquestra[editar | editar código-fonte]

  • (1987) The Nixon Tapes
  • (1989) The Wound-Dresser

Música de Câmara[editar | editar código-fonte]

  • (1970) Piano Quintet
  • (1992) Chamber Symphony
  • (1978) Shaker Loops
  • (1994) John's Book of Alleged Dances
  • (1995) Road Movies
  • (1996) Gnarly Buttons
  • (2007) Son of Chamber Symphony
  • (2007) Fellow Traveler
  • (2009) String Quartet No. 2

Outros[editar | editar código-fonte]

  • (1973) American Standard
  • (1973) Christian Zeal and Activity
  • (1975) Grounding
  • (1982) Grand Pianola Music
  • (1996) Scratchband
  • (2001) Nancy's Fancy

Coros[editar | editar código-fonte]

  • (1973) Ktaadn
  • (1980) Harmonium
  • (1991) Choruses from The Death of Klinghoffer
  • (2002) On the Transmigration of Souls

Composições gravadas[editar | editar código-fonte]

  • (1971) Heavy Metal
  • (1976) Studebaker Love Music
  • (1976) Onyx
  • (1983) Light Over Water
  • (1992) Hoodoo Zephyr

Piano[editar | editar código-fonte]

  • (1977) Phrygian Gates
  • (1977) China Gates
  • (1996) Hallelujah Junction
  • (2001) American Berserk

Filme[editar | editar código-fonte]

  • (1982) Matter of Heart
  • (1999?) An American Tapestry

Orquestrações[editar | editar código-fonte]

Modalidades[editar | editar código-fonte]

  • (1989–93) Six Songs by Charles Ives (Ives' songs)

Prémios e Reconhecimento[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  • K. Robert Schwarz, "Process vs. Intuition in the Recent Works of Steve Reich and John Adams", American Music Vol. 8, No. 3 (Autumn 1990), pp. 245–273.
  • Brent Heisinger, "American Minimalism in the 1980s", American Music Vol. 7, No. 4 (Winter 1989), pp. 430–447.
  • Thomas May. The John Adams Reader (ISBN 1-57467-132-4)
  • K. Robert Schwartz, Minimalists, Phaidon Press Inc. ISBN 0-7148-4773-9
  • John Richardson, "John Adams: A Poitrait and a Concert of American Music", American Music Vol. 23, No. 1 (Spring 2005), pp. 131–133. [review]
  • Matthew Daines, "The Death of Klinghoffer by John Adams", American Music Vol. 16, No. 3 (Autumn 1998), pp. 356–358. [review]
  • J. Thomas Rimer, "Nixon in China by John Adams", American Music Vol. 12, No. 3 (Autumn 1994), pp. 338–341. [review]

Entrevistas[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) compositor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.