Jorge Leitão de Ramos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Jorge Henrique Leitão Ramos (Odivelas, 1952) é um crítico português e historiador de cinema.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Licenciado em Engenharia Electrotécnica pelo Instituto Superior Técnico em 1975, Jorge Leitão Ramos é professor na Escola Secundária Marquês de Pombal, em Lisboa[1].

Iniciou a sua actividade profissional como crítico de cinema em 1975, no semanário Expresso, tendo-a exercido, com continuidade, na imprensa (Jornal Novo – 1975/1976; Diário de Lisboa – 1976/1988), para além de colaborações na RTP e RDP.

Em 1980 estende o seu campo de análise à crítica de televisão (Expresso – 1980/1983, 1987/1989; Se7e – 1983/1986; TSF – 1993).

Presentemente – e desde 1988 – é colaborador permanente, na área da crítica de cinema, do Expresso.

Especialista em cinema português, tem feito comunicações a colóquios e congressos e publicado em Portugal e no estrangeiro.

É presidente do Conselho Fiscal da Sociedade Portuguesa de Autores[2].

Obras publicadas em livro[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Professores Arquivado em 22 de maio de 2012, no Wayback Machine. de Electrotecnia da Escola Secundária Marquês de Pombal.
  2. Órgãos sociais da Sociedade Portuguesa de Autores.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]