Josep Seguer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Seguer
Informações pessoais
Nome completo Josep Seguer Sans
Data de nasc. 6 de maio de 1923
Local de nasc. Parets del Vallès, Flag of Spain.svg Espanha
Falecido em 1 de janeiro de 2014 (90 anos)
Local da morte Reus, Flag of Spain.svg Espanha
Altura 1,70 m
Informações profissionais
Posição Lateral-direito
Clubes de juventude
?-1940
1940–1942
Espanha CF Parets
Espanha Barcelona
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1942–1957
1942–1943
1957–1959
1959–1961
Espanha Barcelona
Espanha Granollers (Vindo de Empréstimo)
Espanha Betis
Espanha Manresa
215 (38)


Seleção nacional
1950
1952
Flag of Catalonia.svg Catalunha
Flag of Spain.svg Espanha
1 (0)
4 (0)

Josep Seguer Sans (Parets del Vallès, 6 de maio de 1923Reus, 1 de janeiro de 2014) foi um futebolista e treinador de futebol espanhol.

Carreira de jogador[editar | editar código-fonte]

Como jogador, Seguer atuava como lateral-direito, tendo sido revelado no CF Parets, time de sua cidade natal, de onde seguiria para as categorias de base do Barcelona em 1940.

Em 1942, foi promovido ao time principal, e no mesmo ano foi emprestado ao Granollers, atuando por um ano. De volta aos Blaugranas em 1943, tornou-se titular da lateral-direita no time que conquistou 14 títulos (entre eles, cinco vezes campeão de La Liga, quatro delas consecutivas). Até 1957, foram 215 jogos e 38 gols marcados. Foi ele, inclusive, o autor do primeiro gol do Barça em torneios europeus.

Ainda em 1957, deixou o Barcelona para defender o Betis, onde jogou por duas temporadas. Voltaria à Catalunha em 1959, desta vez para atuar pelo Manresa, encerrando sua carreira em 1961, aos 38 anos, acumulando a função de jogador-treinador.

Como técnico[editar | editar código-fonte]

Antes de encerrar a carreira de jogador, Seguer estrearia como treinador no Betis, em 1959, quando ainda era atleta profissional.

Sua primeira experiência como técnico em tempo integral foi no time de amadores do Barcelona, em 1961. Comandaria ainda o time principal em 1969 e o Barcelona B entre 1970 e 1972. Comandou ainda Villarreal, Terrassa, Lleida, Figueres, Gavà, Tortosa, Júpiter, Condal e La Cava.

Sua trajetória dentro do futebol encerrou-se oficialmente em 1983, após treinar o Reus Deportiu.

Seleção[editar | editar código-fonte]

Embora vivesse boa fase no Barcelona, Seguer teve poucas oportunidades na Seleção Espanhola: disputou apenas quatro partidas pela Fúria, todas em 1952. Dois anos antes, havia realizado um jogo pela Seleção da Catalunha.

Morte[editar | editar código-fonte]

Seguer faleceu na cidade de Reus, aos noventa anos de idade[1]. A causa de sua morte não foi divulgada.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Com o Barcelona[editar | editar código-fonte]

Com o Betis[editar | editar código-fonte]

Referências