Jules Bordet

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jules Bordet Medalha Nobel
Nascimento 13 de junho de 1870
Soignies
Morte 6 de abril de 1961 (90 anos)
Bruxelas
Nacionalidade Belga
Prêmios Nobel prize medal.svg Nobel de Fisiologia ou Medicina (1919)
Campo(s) Imunologia

Jules Jean Baptiste Vincent Bordet (Soignies, 13 de junho de 1870Bruxelas, 6 de abril de 1961) foi um imunologista belga.

Foi agraciado com o Nobel de Fisiologia ou Medicina de 1919, por descobrir o bacilo da coqueluche.

Foi distinguido com o Grand Cordon de l'Ordre de La Couronne da Bélgica em 1930, a Grand Cordon de L'Ordre de Léopold em 1937 e a Grande Cruz da Legião de Honra em 1938.

Nasceu em Soignies e os seus estudos foram feitos na Universidade de Bruxelas onde se doutorou em medicina em 1892.

Dois anos mais tarde seguiu para Paris a fim de iniciar o seu trabalho no Instituto Pasteur, tendo fundado a filial de Bruxelas.

Casou com Marthe Levoz em 1899, tendo o casal três filhos. O filho Paul decidiu seguir o seu exemplo e chegou a chefe do Instituto Pasteur de Bruxelas.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Robert Bárány
Nobel de Fisiologia ou Medicina
1919
Sucedido por
Schack August Steenberg Krogh


Ícone de esboço Este artigo sobre um médico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.