Língua hereró

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde janeiro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Herero (Otjiherero)
Falado em: Namíbia
Botswana
 Angola
Região: Kunene, Omaheke e Otjozondjupa na Namíbia
Guanzi no Botswana
Namibe, Huíla (SW), e Cunene (W), em Angola
Total de falantes: 237 mil
Família: Nigero-congolesa
 Atlântico-congolesa
  Benue-congolesa
   Bantóide
    Bantóide-meridional
     Banto
      Banto-centrionais
       Herero
Códigos de língua
ISO 639-1: hz
ISO 639-2: her
ISO 639-3: her

O hereró ou herero (Otjiherero) é uma língua nígero-congolesa, falada pelos hererós na Namíbia, em Angola e no Botsuana. Existem cerca de 237 mil falantes dessa língua e das suas variações.

Sua distribuição linguística cobre uma zona chamada Hereroland: esta zona é constituída da região de Omaheke, junto com as regiões de Otjozondjupa e Kunene. O Himba que são relacionados com as pessoas de hereró falam um dialeto muito perto do idioma de Hereros. Em Windhoek, capital da Namíbia, existe uma minoria considerável de falantes da língua hereró.

Por causa da tradução do Missionário Gottlieb Viehe's (1839–1901) da Bíblia para o hereró no fim do século XIX, a língua falada acabou sendo transcrita baseada no alfabeto latino. O padre Peter Heinrich Brincker (1836–1904) usou essa adaptação para traduzir várias músicas e obras teológicas.

Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.