Lothar-Günther Buchheim

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde janeiro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Lothar-Günther Buchheim
Nascimento 6 de fevereiro de 1918
Weimar
Morte 22 de fevereiro de 2007 (89 anos)
Starnberg
Sepultamento Bernried
Cidadania Alemanha
Alma mater Academia de Belas Artes de Munique
Ocupação pintor, editor, escritor, professor universitário, correspondente de guerra
Prêmios Ordem do Mérito da Baviera, Cruz de Cavaleiro Comandante da Ordem do Mérito da República Federal da Alemanha, Ordem Maximiliana da Baviera para Ciência e Arte, doutor honoris causa
Causa da morte insuficiência cardíaca

Lothar-Günther Buchheim (Weimar, Turíngia, 6 de Fevereiro de 1918 - Starnberg, Baviera, 22 de Fevereiro de 2007) foi um autor, pintor e coleccionador de Arte alemão. É melhor conhecido pela sua novela Das Boot, que se tormou um bestseller internacional.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Buchheim nasceu em Weimar na Turíngia. Como correspondente de guerra para a Alemanha Nazi, Buchheim juntou-se à tripulação do Unterseeboot 96 para uma patrulha na Batalha do Atlântico em 1941. Tinha ordens para fotografar e descrever o U-Boot em acção, para propósitos propagandísticos. A partir da sua experiência escreveu uma curta história, Die Eichenlaubfahrt; um novela em 1975, Das Boot (O Barco), e a não-ficção, U-Boot-Krieg em 1976.

A trilogia, que engloba U-Boat War, o posterior U-Bootfahrer, e Zu Tode Gesiegt, inclui mais de 5.000 instantâneo fotográfico tirados durante a Segunda Guerra Mundial. Também é o autor das novelas Die Festung e Der Abschied.

Buchheim criou o Buchheim Museum of Imagination, nas margens do Lago Starnberger, o qual contém uma importante colecção de grafismos e Pinturas Expressionistas alemãs, tal como um conjunto de curiosidades que vão desde quebra-nozes e fantoches de sombras Thai até manequins e animais de carrossel.

Morreu aos 89 anos, de falência cardíaca, em Starnberg, na Baviera.