Maratona Internacional Feminina de Osaka

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Maratona Internacional Feminina de Osaka
Logoosaka.png
Detalhes
Esporte Atletismo
Categoria(s) maratona
Criação 1982
Organizador Federação Japonesa de Atletismo e corporações de comunicação japonesas
N.º de edições 35
N.º de participantes ~ 500
Frequência anual
Campeões
Primeiro
campeão
Rita Marchisio
Atual
campeão
Kayoko Fukushi
Maior
campeão
Katrin Dörre
Site oficial
www.osaka-marathon.jp

Maratona Internacional Feminina de Osaka (no original: Ōsaka Kokusai Joshi Marason; nome internacional: Osaka International Ladies Marathon) é uma corrida de 42,195 km de distância disputada anualmente na cidade de Osaka, Japão, desde 1982. A prova, apenas feminina, é disputada no último domingo do mês de janeiro e organizada e patrocinada pela Federação Japonesa de Atletismo e um conglomerado de veículos de comunicação formado de jornais e rádios – o que é padrão nas corridas japonesas – e pela administração da cidade de Osaka.

A primeira edição, disputada em 24 de janeiro de 1982, foi vencida pela italiana Rita Marchisio. O recorde da prova – 2:21:18 – registrado em 2003, é da japonesa Mizuki Noguchi, campeã olímpica em Atenas 2004. A atual campeã é a japonesa Kayoko Fukushi, também medalha de bronze da prova no Campeonato Mundial de Atletismo de Moscou 2013. A corredora ucraniana Tetyana Gamera-Shmyrko, que havia vencido a maratona por três anos consecutivos – 2013 a 2015 – teve suas vitórias cassadas, assim como o recorde nacional ucraniano conquistado ali e o 5º lugar em Londres 2012, por doping.[1] A maior vencedora é a alemã Katrin Dörre, com quatro vitórias. Apenas em 1995 ela não foi disputada, devido aos problemas causados pelo Sismo de Kobe.[2]

Diferente das principais provas no Ocidente, a maratona não paga prêmios em dinheiro às vencedoras, devido à proibições legais existentes no Japão.[2] Com cerca de 500 atletas nas atuais edições, a largada, na pista de atletismo do Estádio Nagai, ocorre às 12:10 hora local.[3]

Percurso[editar | editar código-fonte]

O traçado da prova corta o interior da cidade e passa por marcos proeminentes como o Castelo de Osaka. Fazendo um percurso circular, passa pelo imponente prédio da prefeitura local e pelo Boulevard Midosuji, antes de voltar ao ponto de partida.[4] Em 2011 ele foi alterado para permitir tempos mais rápidos, cortando um série de seções com muitas subidas e descidas, que existiam anteriormente em partes próximas ao Castelo.[5]

A largada e a linha de chegada da corrida são no Estádio Nagai, palco de partidas na Copa do Mundo de 2002 e onde foi disputado o Campeonato Mundial de Atletismo de 2007.[6]

Vencedoras[editar | editar código-fonte]

Nota: recorde da prova

Kayoko Fukushi, a vencedora da edição de 2016.
Ano Nome País Tempo
2016 Kayoko Fukushi Japão 2:22:17
2015 Jeļena Prokopčuka * Letónia 2:24:07
2014 Yukiko Akaba * Japão 2:26:00
2013 Kayoko Fukushi * Japão 2:24:21
2012 Risa Shigetomo Japão 2:23:23
2011 Yukiko Akaba Japão 2:26:29
2010 Amane Gobena Etiópia 2:25:14
2009 Yoko Shibui Japão 2:23:42
2008 Mara Yamauchi Reino Unido 2:25:10
2007 Yumiko Hara Japão 2:23:48
2006 Catherine Ndereba Quénia 2:25:05
2005 Jeļena Prokopčuka Letónia 2:22:56
2004 Naoko Sakamoto Japão 2:25:29
2003 Mizuki Noguchi Japão 2:21:18
2002 Lornah Kiplagat Países Baixos 2:23:55
2001 Yoko Shibui Japão 2:23:11
2000 Lidia Simon Roménia 2:22:54
1999 Lidia Simon Roménia 2:23:24
1998 Lidia Simon Roménia 2:28:31
1997 Katrin Dörre-Heinig Alemanha 2:25:57
1996 Katrin Dörre-Heinig Alemanha 2:26:04
1995 Não foi disputada
1994 Tomoe Abe Japão 2:26:09
1993 Junko Asari Japão 2:26:26
1992 Yumi Kokamo Japão 2:26:26
1991 Katrin Dörre Alemanha 2:27:43
1990 Rosa Mota Portugal 2:27:47
1989 Lorraine Moller Nova Zelândia 2:30:21
1988 Lisa Martin Austrália 2:23:51
1987 Lorraine Moller Nova Zelândia 2:30:40
1986 Lorraine Moller Nova Zelândia 2:30:24
1985 Carey May República da Irlanda 2:28:07
1984 Katrin Dörre Alemanha Oriental 2:31:41
1983 Carey May República da Irlanda 2:29:23
1982 Rita Marchisio Itália 2:32:55

(*) – Nota: as vitórias da ucraniana Tetyana Gamera-Shmyrko entre 2013 e 2015 foram todas anuladas após a atleta testar positivo em exame antidoping no final de 2015 e ser suspensa por quatro anos pela Federação Ucraniana de Atletismo. As segundas colocadas nestas edições herdaram o título.

Vencedoras por nações[editar | editar código-fonte]

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Ucraniana é flagrada em doping e perde 5º lugar na maratona de Londres-2012». OESP. Consultado em 14 July 2016. 
  2. a b «Osaka International Women's Marathon». Association of Road Racing Statisticians. Consultado em 29/04/2013. 
  3. «Osaka International Women’s Marathon». Osaka Info. Consultado em 29/04/2013. 
  4. «Osaka International Women’s Marathon». RunInfinity. Consultado em 29/04/2013. 
  5. Nakamura, Ken (2011-01-28). Osaka Women’s Marathon - PREVIEW. IAAF.
  6. Nakamura, Ken (2011-01-30). Akaba out-duels Ito in windy Osaka. IAAF.