Miguel Nikolaevich da Rússia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Miguel Nikolaevich
Grão-Duque da Rússia
Esposa Cecília de Baden
Descendência Nicolau Mikhailovich
Anastasia Mikhailovna
Miguel Mikhailovich
Jorge Mikhailovich
Alexandre Mikhailovich
Sérgio Mikhailovich
Alexis Mikhailovich
Casa Holsácia-Gottorp-Romanov
Nome completo
Miguel Nikolaevich Romanov
Nascimento 13 de outubro de 1822
  Peterhof, São Petesburgo, Rússia
Morte 18 de dezembro de 1909 (87 anos)
  Cannes, França
Enterro Catedral de Pedro e Paulo, São Petersburgo, Rússia
Pai Nicolau I da Rússia
Mãe Carlota da Prússia
Religião Ortodoxa Russa

Miguel Nikolaevich da Rússia (em russo: Великий князь Мигель Николаевич; transl. velikiy knyaz Mikhail Nikolayevich) (13 de outubro de 183218 de dezembro de 1909) foi o quarto filho e sétima criança a nascer do czar Nicolau I da Rússia e da sua consorte, a czarina Alexandra Feodorovna (Carlota da Prússia).

Carreira Política[editar | editar código-fonte]

Entre 1862 e 1882, Miguel prestou serviço como governador-geral do Cáucaso, tendo-se instalado em Tbilisi, a cidade onde nasceram e cresceram a maioria dos seus filhos. Ao longo da sua vida viu quatro czares a governar a Rússia: o seu pai Nicolau I, o seu irmão Alexandre II, o seu sobrinho Alexandre III e o seu sobrinho-neto Nicolau II, servindo todos com lealdade. Viveu mais tempo que o seu sobrinho Alexandre III, apesar de este ser muito mais novo.[1]

Casamento[editar | editar código-fonte]

No dia 16 de agosto de 1857 casou-se com a princesa Cecília de Baden, filha do grão-duque Leopoldo I de Baden e da princesa Sofia da Suécia, que mudou de nome para Olga Feodorovna ao converter-se à Igreja Ortodoxa Russa. Juntos tiveram sete filhos.

Descendência[editar | editar código-fonte]

  1. Nicolau Mikhailovich (26 de abril de 1859 – 28 de janeiro de 1919), um historiador de renome foi assassinado em consequência da Revolução Russa de 1917. Nunca se casou nem teve filhos.
  2. Anastasia Mikhailovna, (28 de julho de 1860 – 11 de março de 1922), casada com o grão-duque Frederico Francisco III de Mecklemburgo-Schwerin; com descendência incluindo a rainha Alexandrina da Dinamarca.
  3. Miguel Mikhailovich, casou-se morganáticamente com a condessa Sofia de Merenberg; com descendência.
  4. Jorge Mikhailovich (23 de agosto de 1863 – 28 de janeiro de 1919), casado com a princesa Maria da Grécia e Dinamarca; com descendência. Foi assassinado em consequência da Revolução Russa de 1917.
  5. Alexandre Mikhailovich (Sandro) (13 de abril de 1866 – 26 de fevereiro de 1933), casado com a grã-duquesa Xenia Alexandrovna; com descendência.
  6. Sérgio Mikhailovich (7 de outubro de 1869 – 18 de julho de 1918), nunca se casou nem teve filhos. Foi assassinado em consequência da Revolução Russa de 1917.
  7. Alexis Mikhailovich (28 de dezembro de 1875 – 2 de março de 1895), morreu de tuberculose aos dezasseis anos de idade.

Genealogia[editar | editar código-fonte]

Os antepassados de Miguel Nikolaevich da Rússia em três gerações
Miguel Nikolaevich da Rússia Pai:
Nicolau I da Rússia
Avô paterno:
Paulo I da Rússia
Bisavô paterno:
Pedro III da Rússia
Bisavó paterna:
Catarina II da Rússia
Avó paterna:
Maria Feodorovna (Sofia Doroteia de Württemberg)
Bisavô paterno:
Frederico II Eugénio de Württemberg
Bisavó paterna:
Frederica de Brandemburgo-Schwedt
Mãe:
Alexandra Feodorovna (Carlota da Prússia)
Avô materno:
Frederico Guilherme III da Prússia
Bisavô materno:
Frederico Guilherme II da Prússia
Bisavó materna:
Frederica Luísa de Hesse-Darmstadt
Avó materna:
Luísa de Mecklemburgo-Strelitz
Bisavô materno:
Carlos II de Mecklemburgo-Strelitz
Bisavó materna:
Frederica de Hesse-Darmstadt

Referências

  1. Zeepvat, 31

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • ZEEPVAT, Charlotte, "The Camera and the Tsars", Sutton Publishing, 2004
Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Miguel Nikolaevich da Rússia