Munhoz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Munhoz (desambiguação).
Munhoz
  Município do Brasil  
Hino
Gentílico munhozense
Localização
Localização de Munhoz em Minas Gerais
Localização de Munhoz em Minas Gerais
Munhoz está localizado em: Brasil
Munhoz
Localização de Munhoz no Brasil
Mapa de Munhoz
Coordenadas 22° 36' 46" S 46° 21' 39" O
País Brasil
Unidade federativa Minas Gerais
Municípios limítrofes Bueno Brandão, Senador Amaral, Itapeva, Toledo e Socorro (SP)
Distância até a capital 490 km
História
Fundação 12 de dezembro de 1953 (68 anos)
Administração
Prefeito(a) Dorival Amâncio Froes[1] (PTB, 2021 – 2024)
Características geográficas
Área total [3] 190,563 km²
População total (Estimativa IBGE/2019[4]) 6 029 hab.
Densidade 31,6 hab./km²
Clima Tropical de Altitude (Cwb)
Altitude 1235 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
CEP 37620-000 a 37629-999[2]
Indicadores
IDH (PNUD/2010[5]) 0,647 médio
PIB (IBGE/2008[6]) R$ 51 869,257 mil
PIB per capita (IBGE/2008[6]) R$ 8 046,74
Sítio www.munhoz.mg.gov.br (Prefeitura)
www.munhoz.cam.mg.gov.br (Câmara)

Munhoz é um município brasileiro do estado de Minas Gerais, na microrregião de Pouso Alegre.

História[editar | editar código-fonte]

A historia de Munhoz, se inicia no final do século XIX, início do século XX.

O primeiro povoado surgiu quando tropeiros construíram um rancho para pousarem durante as viagens de transporte de mercadorias para/dos grandes centros. Este rancho foi construído na região onde hoje encontra-se a Praça José Francisco Munhoz.

Neste local existia uma cruz de madeira, com data estimada entre 1895 e 1896, e que posteriormente foi abrigada por uma Igrejinha de sapé.

Neste local, com o tempo, surgiu um pequeno comércio, e com isso, outros moradores começaram a se mudar para a região, surgindo, então, um pequeno povoado, denominado Bom Jardim.

Nesta época, o Sr. José Francisco Munhoz doou cerca de dois alqueires para a Santa Cruz, no local onde já existia um pequeno povoado.

Em 1906, através de iniciativa popular, construiu-se a Igreja em louvor a Santa Cruz; esta igreja foi demolida e em seu local surgiu a Praça José Francisco Munhoz, e onde encontrava-se a Igreja hoje existe um monumento com o sino da igreja marcando o local exato da Igreja. O altar original entalhado em cedro, existe até os dias atuais e encontra-se na da atual Igreja Matriz, e serve de abrigo ao Santíssimo Sacramento a Hóstia Santa Consagrada. Atualmente encontra-se uma estátua da santa Nossa Senhora de Aparecida.

Em 1938, o povoado foi elevado a categoria de distrito, e o nome da cidade foi escolhido como Munhoz em homenagem ao Sr. José Francisco Munhoz.

E em 12 de dezembro de 1953, a cidade atinge a categoria de Município, deixando de fazer parte do município de Camanducaia.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Sua população estimada em 2010 era de 6.257 habitantes. A área é de 191,1 km². A população urbana era composta por 3.319 pessoas e a rural em 2.938. O total de homens era de 3.247 e de mulheres era de 3.010. O município é composto por 5.375 eleitores e 15 seções eleitorais. Em 2009 houve 1.189 matrículas nos Ensinos Fundamental e Médio. Munhoz apresenta queda da sua população.

Informações[editar | editar código-fonte]

Crescimento populacional
Censo Pop.
19915 652
20006 65617,8%
20106 257−6,0%
Est. 20196 029[4]−3,6%

A cidade possui apenas uma agência bancária do Banco do Bradesco e outra do Banco Sicoob, bem como dois correspondentes bancários (Correios e Lotérica que atendem clientes dos bancos Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal). Na área de saúde possui três ESFs e uma Unidade Básica de Saúde, sendo que duas unidades ESFs estão localizados no bairro do Ribeirão Fundo e São Roque. Na área da Assistência Social possui uma unidade estatal do Centro de Referência de Assistência Social com capacidade de atendimento de 2,5 mil famílias por mês, ofertando a Proteção Social Básica no âmbito do Sistema Único de Assistência Social (SUAS).Possui quatro unidades de educação ( uma estadual, duas municipais e uma unidade no bairro do Ribeirão Fundo).

Economia local[editar | editar código-fonte]

Apesar de Munhoz ser um município basicamente agrícola, houve grande progresso na expansão das atividades rurais, como por exemplo a diversificação da produção agrícola. A batata foi a principal produto agrícola, deu espaço para produção de milho, feijão, vagem, mandioca, couve-flor, brócolis, morango e produção de flores no bairro do Ribeirão Fundo e Flores. No município possui pequenas fábricas de lavagens de jeans, além de uma microempresa de sorvetes e uma fabrica de costura. Muitos moradores deslocam até a cidade de Extrema para trabalhar em empresas como: Centauro, Bauducco e entre outras. Hoje, funciona na cidade uma unidade da empresa Paraná Papeis e está em processo de instalação uma empresa de derivados de óleo de soja.

Os municípios limítrofes são Bueno Brandão e Senador Amaral a norte, Itapeva a sudeste, Toledo a sudoeste e Socorro (SP) a oeste.

Munhoz está muito próximo dos grandes centros urbanos, como São Paulo (capital) apenas 120 km e de Campinas (SP) apenas 90 km.

Rodovias[editar | editar código-fonte]

A principal rodovia que corta o município é a MG-460.

Referências

  1. [1]
  2. Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. «Busca Faixa CEP». Consultado em 1 de fevereiro de 2019 
  3. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  4. a b «Censo Populacional 2010». Estimativa Populacional 2019. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 28 de agosto de 2019. Consultado em 2 de dezembro de 2019 
  5. «Ranking IDHM Municípios 2010». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2013. Consultado em 15 de junho de 2015 
  6. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Minas Gerais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.