Mureș (distrito)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Rio Mureș.
Romênia Mureș 
  Distrito  
Símbolos
Brasão de armas de Mureș
Brasão de armas
Localização
Mures.png
Administração
Capital Târgu Mureș
Características geográficas
Área total 6 714 km²
População total (2006) 581 759 hab.

Mureș é um județ (distrito) da Romênia, na região histórica da Transilvânia.[1] Sua capital é a cidade de Târgu Mureș. Está situado no centro da Romênia, entre os meridianos 23°55’ e 25°14’ de longitude leste e os paralelos 46°09’ e 47°00’ de latitude norte, ocupando 2,8% do território romeno. Sua população em 2006 era de 581 759 habitantes.

Geografia[editar | editar código-fonte]

As planícies e colinas ocupam a metade do território e as montanhas a outra metade, as quais fazem parte dos Cárpatos orientais. O distrito se articula em torno do vale do rio Mureș e seus afluentes.

O clima do Mureș é o continental, com invernos longos e frios e verões quentes. Na zona de colinas, as temperaturas médias são de -3 °C a -8 °C em janeiro e de 18 °C a 19 °C em julho. Nas montanhas, são em média de -4 °C a 1 °C em fevereiro e de 8 °C a 12 °C em agosto. O distrito possui 4 090 km² de terras agrícolas e 2 160 km² de florestas.

A vegetação é constituída de florestas de faias e pinheiros. A fauna, muito rica, compreende diversos animais raros na Europa (ursos pretos, linces, galos selvagens, etc.).

História[editar | editar código-fonte]

O distrito de Mureș fez parte do reino dos dácios e passou pela presença romana. No século X, os magiares se instalaram no județ. A sudeste já estavam presentes populações dos sículos, cuja origem ainda se discute hoje em dia.

O județ fez parte, em seguida, do principado da Transilvânia, vassalo do Reino da Hungria, antes de ser administrado diretamente pelo Império Austríaco e os Habsburgos de 1690 a 1867.

Em 1867, ele foi incorporado ao Estado húngaro na Áustria-Hungria. Em 1876, foi formado o território de Maros-Torda, que compreendia a maior parte do distrito atual. Em 1920, pelo Tratado de Trianon, com a desintegração do Império Austro-Húngaro, o território de Maros-Torda passou a integrar o Reino da Romênia. Ele foi novamente ocupado pela Hungria de 1940 a 1944 e devolvido à Romênia em 1945.

Quando da reorganização administrativa de 1950, os limites dos diferentes "judete" da Transivânia foram profundamente modificados, e o județ de Maros-Torda se tornou o atual județ de Mureș.

Economia[editar | editar código-fonte]

A agricultura e a exploração das florestas ocupam uma parte essencial na economia da região. O subsolo contém depósitos de sal, gás natural e pedras para construção.

As principais indústrias presentes se dedicam à produção de energia (gás natural e eletricidade térmica), derivados do carbono, materiais de construção, móveis, vidro, cerâmica e instrumentos musicais.

Municípios e cidades[editar | editar código-fonte]

Municípios[editar | editar código-fonte]

(população em 2007)

Cidades[editar | editar código-fonte]

(população em 2007)

Turismo[editar | editar código-fonte]

As principais atrações da região são:

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «Mureș (distrito)». Encyclopædia Britannica Online (em inglês). Consultado em 24 de novembro de 2019