N'gola Ritmos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde setembro de 2015). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
N'gola Ritmos
Informação geral
Origem Luanda
País  Angola
Género(s) Música Popular Angolana

O Conjunto N'gola Ritmos é um dos grupos angolanos mais importantes do Século XX.

Percurso[editar | editar código-fonte]

O grupo foi formado em 1947 por Liceu Vieira Dias, Domingos Van-Dúnem, Mário da Silva Araújo, Manuel dos Passos e Nino Ndongo.

Na década de 1950 e 1960 incluíu nomes como Liceu, Nino, Amadeu Amorim (bateria e cantor), José Maria (viola solo e ritmo), Euclides Fontes Pereira (Fontinhas), José Cordeiro dos Santos, Lourdes Van-Dúnem, Gege, Xodô e Bélita Palma.

Amadeu Amorim e Liceu foram presos em 1959 mas o conjunto manteve-se com a força de Nino N’dongo. Gravaram dois discos e em 1965 deslocam-se à metrópole pela primeira vez [1].

Importância[editar | editar código-fonte]

  • António Ole realizou em 1978 um filme sobre o grupo: "O Ritmo do N’Gola Ritmos" [2].
  • O filme "O Lendário Tio Liceu e os N'gola Ritmos" (2009), de Jorge António, recebeu o Prémio Melhor Documentário no FICLuanda 2010.
  • O professor Maurício Barros de Castro dedicou uma secção à "A história do N ́gola Ritmos" na sua apresentação "O SAMBA NO ATLANTICO NEGRO: PATRIMONIO IMATERIAL E DIÁSPORA AFRICANA" apresentada no XI Congresso Luso Afro Brasileiro de Ciências sociais que decorreu em Salvador em Agosto de 2011:

"Interessados em descobrir suas raízes culturais, os músicos do N’gola Ritmos reinventaram a música de angola e assumiram o semba como ritmo nacional do país, o que tinha conotações políticas que evidenciava um projeto de nação angolana construída a partir de suas referências ancestrais. " [3]

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • 1 (Ep, Alvorada, 1964) N'biri Birin / João Domingos / Chapéu Preto / Timpanas
  • 2 (Ep, Alvorada, 1964) Mona Ami / Kuaba Kuaie Kalumba / Maria Da Luz / Margarida Vai À Fonte
  • N'ga Sakidila (Ep, Decca, 1964) N'ga Sakidila / Chico / Xikéla / N'zage
Compilações
  • Angola 60's 1956-1970 (Buda Musique, 1999) ‎- Muxima, Django Ué, Nzaje
  • Angola Saudade 60-70 ‎(Iplay, 2009) - Muxima
  • Chansons Creoles ‎(Cristal, 2012) - Muxima

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Restos mortais de "Fontinhas" foram a enterrar no Alto das Cruzes». ANGOP. 1 de julho de 2013. Consultado em 28 de Abril, 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)