Os The Darma Lóvers

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Os The Darma Lóvers
Informação geral
Origem Porto Alegre, RS
País  Brasil
Gênero(s) Rock alternativo
Indie rock
Rock gaúcho
Período em atividade 1998–atualmente
Gravadora(s) Dubas Música, Loop Discos
Afiliação(ões) Barata Oriental
Integrantes Nenung
Irínia
Página oficial Site

Os The Darma Lóvers é uma banda brasileira de rock com influência budista, criadora do zen rock.[1]

A banda é constituída por diversos membros que se agregam à dupla que deu origem ao projeto nos anos 1990, em Porto Alegre.[2]

Os dois membros da dupla formadora da banda são: Nenung, apelido de Luís Fernando Kirsch[3] e Irinia Taborda[4], que também é chamada de Yang Zam[2].

Em alguns momentos a banda aparece na mídia com outra grafia, como, por exemplo, "The Dharma Lóvers".[5]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Em 1995, Nenung e Irínia encerram o ciclo da banda Barata Oriental, da qual faziam parte, e em 1998, depois de encontrarem o darma, criam o grupo Os The Darma Lóvers, segundo relata Nenung no livro "Gauleses irredutíveis" (AVILA et al, 2001, p. 95).[2] Os dois se tornaram alunos de Sua Eminência Chagdud Tulku Rinpoche, fundador do templo budista localizado em Três Coroas, e foram tocados pelo Darma de Buda.[6]

A partir disso iniciou-se a ligação com o budismo se tornou cada vez mais forte e atualmente está presente na postura dos músicos e em grande parte das letras, o que fez com que a banda fosse chamada de criadora do "zen rock".[1] [7] O som da banda também é classificado como mantras pop[7] e pop budista[1][8]. O som da banda também já foi classificado pelo Diário do Pernambuco como folk-rock baseado nos ensinamentos de Sidarta Gautama, o Buda[9] ou como folk psicodélico[10] pelo colunista do G1, Antônio Carlos Miguel.

Ganhou visibilidade internacional quando o álbum "Laranjas do Céu", lançado no Brasil em 2004, foi posteriormente foi lançado na França, pelo selo Nacopajaz Records, em 2006. [11]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Em 2014, Nenung foi indicado ao Prêmio Açorianos de Melhor Compositor pelo seu trabalho no disco "Espaço!".[12]

Parcerias e regravações[editar | editar código-fonte]

Ao longo de sua história, Os The Darma Lóvers contou com diversos formações, colaboradores, músicos e produtores tendo sempre a frente a dupla Nenung e Irinia.

No álbum "Espaço!" a dupla Nenung e Irinia foi acompanhada pelos músicos Marcelo Fornazzier, Thiago Heinrich, André Vicente, Cristiano Sassá e Jimi Joe. [13] Em discos anteriores contou com a colaboração destes e de outros músicos, como Frank Jorge, Alexandre Kassin, Moreno Veloso, Domenico Lancellotti, Ronaldo Bastos, Dado Villa-Lobos, Mariana Aydar, Sassá, Jimi Joe, André Vicente, entre outros.[6]

Algumas de suas composições foram regravadas por outros artistas. Dado Villa-Lobos regravou duas músicas: a primeira foi "Diamante", canção do primeiro álbum da banda, conhecido como "Branquinnho" (2000), que foi regravada no seu "Jardim de Cactus" (2009)[14]; a segunda é a música "O homem que calculava", canção do álbum "Simplesmente" (2009), que foi regravada no disco "O passo do Colapso" (2012).[15]

Nenung também compõe com outros artistas. Com Wander Wildner compôs a canção “Replicante em teste” para o disco "Em teste" da banda Os Replicantes.[5] Com Paula Toller e Liminha compôs a faixa título do álbum da cantora lançado em 2014, "Transbordada".[8][16]

Integrantes[17][editar | editar código-fonte]

  • Nenung - Voz, Harmônica e Violão
  • Yang Zam (ou Irínia) - Voz, Guitarra e Incensos
  • 4Nazzo (ex-DeFalla) - Guitarra
  • Thiago Heinrich - Baixo e Piano
  • Cristiano Sassá - Percurssão

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

  • Espaço! (2013)
  • Simplesmente (2009)
  • Laranjas do Céu (2004)
  • Básico (2002)
  • Os The Darma Lóvers (Branquinho) (2000)

Álbuns ao vivo[editar | editar código-fonte]

  • Lóver Hits + ao Vivo no Ocidente (2006)

Demos[editar | editar código-fonte]

  • Demo (1999)

Referências

  1. a b c QUEIROZ, Carolina. Grupo pop-budista fecha maratona de shows em Campina Grande. Jornal da Paraíba, 16/02/2010. Acesso em 8 de junho de 2015
  2. a b c AVILA, Alisson; BASTOS, Cristiano; Muller, Eduardo. "Gauleses irredutíveis: Causos e atitudes do rock gaúcho". Porto Alegre: Editora Sagra Luzzatto, 2001. ISBN 8524106573. Versão digital em Google Books. Acesso em 8 de junho de 2015.
  3. Jovem Pan. "Nenung e Projeto Dragão" se apresenta na cidade[ligação inativa]. Central de Notícias, 29/10/2011. Acesso em 25 de julho de 2015.
  4. Rock Gaúcho.com. Os The Darma Lóvers realizam pocket show e sessão de autógrafos na FNAC Porto Alegre Arquivado em 24 de setembro de 2015, no Wayback Machine.. Rock Gaúcho.com, Notícias, 11/02/2014. Acesso em 25 de julho de 2015.
  5. a b Correio do Povo. "Não precisa testar, Replicantes é puro rock". Correio do Povo, Variedades, pág. 20, 10 de fevereiro de 2005. Acesso em 8 de junho de 2015.
  6. a b Website Os The Darma Lóvers. Bio. Acesso em 6 de junho de 2015
  7. a b MARTINS, Andréia. Os The Darma Lóvers lançam novo disco inspirando a reflexão, mas sem perder a leveza. Palco Alternativo, 28/07/2009. Acesso em 8 de junho de 2015
  8. a b CASTRO JR, Chico. Paula Toller lança álbum em clima de celebração e festa. A Tarde, 26/02/2015. Acesso em 8 de junho de 2015
  9. LUNA, A. Religião e música: cantar com fé, eu vou Arquivado em 9 de junho de 2015, no Wayback Machine.. Diário de Pernambuco, 31/05/2013. Acesso em 8 de junho de 2015
  10. MIGUEL, Antônio Carlos.Dylan no pé e outros erros em tempos de mudança. G1, 16/08/2014. Acesso em 8 de junho de 2015
  11. Laranjas do Céu. [1]. Discogs. Acesso em 6 de junho de 2015
  12. Zero Hora (ed.). «Prêmio Açorianos de Música divulga finalistas». ZH Entretenimento, 25/02/2014. Consultado em 8 de junho de 2015 
  13. BRIGATTI, Gustavo. Após hiato de quatro anos, Os The Darma Lóvers voltam com álbum conceitual. ZH Entretenimento, 4/11/2013. Acesso em 8 de junho de 2015
  14. Website Dado Villa-Lobos. Jardim de Cactus. http://www.dadovilla-lobos.com.br/. Acesso em 6 de junho de 2015
  15. Website Dado Villa-Lobos. O Passo do Colapso. http://www.dadovilla-lobos.com.br/. Acesso em 6 de junho de 2015
  16. JBFM 99,9 Novo disco de Paula Toller, “Transbordada”, será lançado em novembro.[ligação inativa]. 20/10/2014. Acesso em 6 de junho de 2015
  17. Fundação ECarta Arquivado em 3 de março de 2016, no Wayback Machine.. Acesso em 9 de junho de 2015.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Flag of Brazil.svgGuitarra masc.png Este artigo sobre uma banda ou grupo musical do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.