Out of Time (álbum)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Out of Time
Álbum de estúdio de R.E.M.
Lançamento 11 de março de 1991
Gravação setembro a outubro de 1990
Gênero(s)
Duração 44:08
Gravadora(s) Warner Bros. Records
Produção Scott Litt e R.E.M.
Cronologia de R.E.M.
Green
(1988)
Automatic for the People
(1992)

Out of Time é um álbum da banda estado-unidense R.E.M. lançado em 12 de março de 1991, pela Warner Bros. Records. Conta com alguns dos maiores sucessos da banda, como "Losing my Religion", "Shine Happy People", "Near Wild Heaven" e "Country Feedback", canções que a banda ainda inclui nos concertos de atualmente. É o único álbum da banda em que foram lançados oito vídeos musicais.

Recepção[editar | editar código-fonte]

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
AllMusic 2.5 de 5 estrelas.[1]
Chicago Tribune 3.5 de 4 estrelas.[2]
Christgau's Consumer Guide A[3]
Entertainment Weekly B−[4]
Los Angeles Times 3 de 5 estrelas.[5]
NME 10/10[6]
Pitchfork 8.4/10[7]
Q 4 de 5 estrelas.[8]
Rolling Stone 4 de 5 estrelas.[9]
Select 5/5[10]

O disco ficou no topo das tabelas de álbuns mais vendidos tanto dos Estados Unidos quanto do Reino Unido, passando 109 semanas na Billboard 200, alcançando o topo em duas oportunidades, e 137 semanas nas paradas britânicas.[11][12] O álbum vendeu quatro milhões e meio de unidades somente nos Estados Unidos e mais de 18 milhões em todo o mundo.[13][14] O álbum ganhou três Grammy Awards em 1992: um como Melhor Álbum de Música Alternativa, e dois para o primeiro single, "Losing My Religion".[15]

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Radio Song" — 4:13
  2. "Losing My Religion" — 4:26
  3. "Low" — 4:55
  4. "Near Wild Heaven" — 3:17
  5. "Endgame" — 3:48
  6. "Shiny Happy People" — 3:45
  7. "Belong" — 4:05
  8. "Half a World Away" — 3:26
  9. "Texarkana" — 3:37
  10. "Country Feedback" — 4:07
  11. "Me in Honey" — 4:06
Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de R.E.M. é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. Erlewine, Stephen Thomas. «Out of Time – R.E.M.». AllMusic. Consultado em 31 de agosto de 2015 
  2. Kot, Greg (24 de março de 1991). «Traveling Through The Years With R.E.M.». Chicago Tribune. Consultado em 2 de novembro de 2015 
  3. Christgau, Robert (2000). «R.E.M.: Out of Time». Christgau's Consumer Guide: Albums of the '90s. [S.l.]: Macmillan Publishers. ISBN 0-312-24560-2. Consultado em 31 de agosto de 2015 
  4. Browne, David (22 de março de 1991). «Out of Time». Entertainment Weekly. Consultado em 31 de agosto de 2015 
  5. Cromelin, Richard (10 de março de 1991). «R.E.M. Recovers as Boy George Goes Dancing». Los Angeles Times. Consultado em 31 de agosto de 2015 
  6. Staunton, Terry (16 de março de 1991). «REM – Out Of Time». NME. Consultado em 31 de agosto de 2015. Cópia arquivada em 17 de agosto de 2000 
  7. Rytlewski, Evan (2 de dezembro de 2016). «R.E.M.: Out of Time». Pitchfork. Consultado em 2 de dezembro de 2016 
  8. Doherty, Niall (Dezembro de 2016). «R.E.M.: Out of Time» 366 ed. Q: 117 
  9. Puterbaugh, Parker (21 de março de 1991). «Out Of Time». Rolling Stone. Consultado em 31 de agosto de 2015 
  10. Cavanagh, David (Abril de 1991). «Once In A Life Time» 10 ed. Select: 64–65 
  11. «R.E.M. Out of Time Chart History». Billboard. Consultado em 31 de dezembro de 2018 
  12. «Out of Time UK Album Charts». Official Charts. Consultado em 31 de dezembro de 2018 
  13. «R.E.M. Remembrances: 31 Chart Milestones of Their 31-Year Career (Video)». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 31 de dezembro de 2018 
  14. Ciminelli, David (9 de fevereiro de 2011). «R.E.M. Calls 'Collapse Into Now' Their Best Album in 20 Years». Billboard. Consultado em 31 de dezembro de 2018 
  15. «Artist - R.E.M.». Grammy.com. Consultado em 31 de dezembro de 2018