Parque Nacional El Rey

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O Parque Nacional El Rey está localizado na província de Salta, Argentina, 203 km da capital provincial. Foi fundado em 1948 e tem uma área de 40.162 ha. O parque tem como objetivo preservar ambientes transição (ecótonos) e o chaco serrano.

Possui um clima subtropical com temperaturas médias que variam entre 22 e 25 °C. Precipitações atingiram 2.000 milímetros anuais. Tem densas florestas, matas e prados. Na área da selva há 1500 metros de madeiras de coníferas e de caducifólias como o pinheiro e o amieiro da colina. A fauna nativa é enorme. Também podem ser encontrados os mais pesados mamíferos da América do Sul, como a anta; por sua passagem pode ser visto ainda macacos, coatis, furão, raposas de montanha e alguns gatos selvagens, além de uma infinidade de pássaros de diversas cores e alguns com boas dimensões, por exemplo, o pava.


Parques nacionais da Argentina Flag of Argentina.svg
Baritú | Calilegua | Campo de los Alisos | Los Cardones | Chaco | Copo | El Leoncito | El Palmar | El Rey | Iguazú | Lago Puelo | Laguna Blanca | Lanín | Lihué Calel | Los Alerces | Los Arrayanes | Los Glaciares | Mburucuyá | Monte León | Nahuel Huapi | Predelta | Perito Moreno | Quebrada del Condorito | Río Pilcomayo | San Guillermo | Sierra de las Quijadas | Talampaya | Tierra del Fuego
Monumentos naturais: Baleia-franca-austral | Bosques Petrificados | Huemul | Laguna de Pozuelos | Taruca | Yaguareté
Reservas naturais estritas: Colonia Benítez | Formosa | Otamendi | San Antonio


Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Argentina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.