Partido Liberal Radical da Suíça

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Partido Liberal Radical da Suíça
Freisinnig-Demokratische Partei
Parti libéral radical
Partido liberale-radicale svizzero
Partida liberaldemocrata svizra
Presidente Petra Gössi
Secretário-geral Samuel Lanz
Vice-Presidentes Andrea Caroni,
Christian Lüscher,
Philippe Nantermod,
Christian Vitta,
Christian Wasserfallen
Membros no
Conselho Federal
Johann Schneider-Ammann,
Ignazio Cassis
Fundação 1 de janeiro de 2009
Sede Neuengasse 20 Case postale 6136 3001, Berna, Suíça
Ideologia Liberalismo
Radicalismo
Social liberalismo
Liberalismo económico
Neoliberalismo
Espectro político Centro-direita a Direita[1]
Ala jovem Juventude Liberal Radical da Suíça
Fusão Partido Liberal Democrático
Partido Liberal
Membros  (2015) 120 000[2]
Afiliação internacional Internacional Liberal (observador)
Afiliação europeia Partido da Aliança dos Liberais e Democratas pela Europa
Conselho
Federal
2 / 7
Conselho
dos Estados
13 / 46
Conselho
Nacional
33 / 200
Executivos
Cantonais
41 / 154
Assembleias
Cantonais
543 / 2 609
Executivos
Comunais
328 / 1 146
Assembleias
Comunais
1 310 / 5 403
Cores Azul e Branco
Página oficial
www.plr.ch (em francês)
www.plrt.ch (em italiano)
fdp-gr.ch (em romanche)

O Partido Liberal Radical da Suíça (PLR) (em francês, Parti libéral-radical; em alemão Freisinnig-Demokratische Partei, FDP; em italiano Partito liberale-radicale, em romanche Partida liberaldemocrata) é um partido político suíço de direita, defensor do liberalismo econômico, com redução de tributos e de gastos sociais. Foi criado em 2009, a partir da fusão entre o Partido Liberal, historicamente implantado na Suíça ocidental, de expressão francesa,[3] e o Partido Radical Democrático, por muito tempo hegemônico no cenário político do país, embora viesse perdendo eleitores nas últimas décadas.[4]

História[editar | editar código-fonte]

O Partido Radical Democrático foi formado em 1894 pelos radicais, que haviam dominado a política da Suíça desde 1830, situando-se na oposição aos conservadores católicos que formaram o governo desde a criação do Estado federal, em 1848, até 1891. A partir de então, o PDR permaneceu dominante até a introdução da representação proporcional, em 1919. Entre 1945 e 1987, alternou com o Partido Social-Democrata a posição de maior partido. Em 1959, o partido obteve dois assentos na fórmula mágica. Nas décadas de 1990 e 2000, o PRD entrou em declínio, pressionado pelo Partido Popular Suíço. Aproximou-se, então, do Partido Liberal, bem menor, até incorporá-lo formalmente em 2009, dando origem ao Partido Liberal Radical.

No seu site, o Partido Liberal Radical se declara "o mais jovem partido da Suíça".[5] Atualmente o PLR detém 30 das 200 cadeiras do Conselho Nacional e 11 dos 46 assentos do Conselho dos Estados. A imprensa suíça ora o classifica como um partido de centro[6] ora como de centro-direita.[7] Entretanto, sobretudo por suas posições com relação à economia, o partido situa-se claramente à direita.

Resultados Eleitorais[editar | editar código-fonte]

Eleições legislativas[editar | editar código-fonte]

Data CI. Votos % +/- Conselho dos
Estados
+/- Conselho
Nacional
+/-
2011 3.º 364 704
15,1 / 100,0
11 / 46
30 / 200
2015 3.º 413 444
16,4 / 100,0
Aumento1,3
13 / 46
Aumento2
33 / 200
Aumento3

Eleições para o Conselho Federal[editar | editar código-fonte]

Data Conselheiros
Federais
+/-
2010
2 / 7
2011
2 / 7
Estável
2015
2 / 7
Estável
2017
2 / 7
Estável

Referências

  1. europeansocialsurvey.org (PDF). 2012 http://www.europeansocialsurvey.org/docs/round6/survey/ESS6_appendix_a3_e02_0.pdf  Parâmetro desconhecido |langue= ignorado (|lingua=) sugerido (ajuda); Parâmetro desconhecido |titre= ignorado (|titulo=) sugerido (ajuda); Parâmetro desconhecido |consulté le= ignorado (|acessodata=) sugerido (ajuda); Em falta ou vazio |título= (ajuda).
  2. The Swiss Confederation — A Brief Guide (PDF). [S.l.]: Federal Chancellery. 2015. p. 19. Consultado em December 14, 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. «Dois importantes partidos suíços vão se fundir». Swissinfo. Swissinfo.ch. 15 de julho de 2008 
  4. «Partido Liberal Radical quer reconquistar seu espaço». Swissinfo. Swissinfo.ch. 13 de julho de 2011 
  5. «Parti & Groupe». Le Parti. Plrt.ch 
  6. «PDC et PLR: Grosses pertes pour le centre à Lucerne». Tribune de Genève. Tdg.ch 
  7. Sylvain Besson (5 de abril de 2011). «Quand le centre droit se vide de ses forces». Le temps. Letemps.ch 
Portal A Wikipédia tem os portais:

Ligações externas[editar | editar código-fonte]