Paul Potts

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Paul Potts
Potts no Festival de Cinema de Toronto de 2013.
Informação geral
Nome completo Paul Robert Potts
Nascimento 13 de outubro de 1970 (46 anos)
Bristol
 Reino Unido
Gênero(s) Clássico, ópera, popera
Ocupação(ões) Tenor
Instrumento(s) Vocal
Extensão vocal Tenor
Período em atividade 2007 – atualmente
Gravadora(s) Syco
Columbia
Sony
Página oficial PaulPottsOfficial.com

Paul Potts (Bristol, 13 de outubro de 1970), é um tenor britânico residente no sul do País de Gales, foi o vencedor da primeira série do concurso de talentos artísticos Britain's Got Talent, transmitido pela ITV, onde cantou uma ária de ópera surpreendendo o júri e a plateia com um timbre vocal excepcional. Potts tinha trabalhado em ópera amadora de 1999 a 2003, mas um acidente em 2003 colocou-lhe uma pausa na carreira musical[1]. Ao obter a vitória foi-lhe concedida a gravação de um álbum pelo produtor Simon Cowell.

Paul trabalhou por pouco tempo em uma metalúrgica por incentivo do pai, e sofreu perseguição quando criança, foi negado em audição pelo próprio Pavarotti. Paul teve sua vida contada em um filme chamado "Apenas uma chance"(2013).

Britain's Got Talent[editar | editar código-fonte]

Em 9 de Junho de 2007 tomou parte na busca de Simon Cowell para o show Britain's Got Talent da ITV. Cantou uma ária de Giacomo Puccini (o "Nessun dorma" da ópera Turandot). O vídeo do espectáculo foi disponibilizado no YouTube e em sites similares atingindo rapidamente mais de 7 milhões de visualizações nos primeiros dias; na semifinal de 14 de Junho, Paul cantou alguns versos da ária "Con te partirò". Por fim, na final de 17 de Junho cantou a ária "Nessun dorma" por inteiro. Potts acabou por receber mais votos do que a pequena Connie Talbot que era a favorita nas casas de apostas.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns[editar | editar código-fonte]

Singles[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]