Pedro Fernandes de Castro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo VII Conde de Lemos, veja Pedro Fernández de Castro e Andrade.
Pedro Fernandes de Castro
Morte junho de 1343
Algeciras

Pedro Fernandes de Castro[nota 1] (? — Algeciras, junho de 1343), referido como O da Guerra (em castelhano: El de la Guerra) foi um nobre galego, primeiro senhor de Monforte de Lemos, e pai de Fernando Ruiz de Castro "Toda a Lealdade de Espanha", 3.º Conde de Lemos, Trastâmara e Sarria, e pai da dama Inês de Castro, a que "depois de morta foi rainha".

Após a morte do seu pai, foi enviado a Portugal, onde cresce junto com o infante D. Pedro. De regresso à Galiza, torna-se rapidamente no mordomo-mor da corte castelhana.

Relações familiares[editar | editar código-fonte]

Foi filho de Fernando Rodriguez de Castro, senhor de Lemos e de Violante Sanches, senhora de Ucero, filha ilegítima do rei Sancho IV de Castela e de Maria de Meneses.

Casou por duas vezes: A primeira com Beatriz, filha de D. Afonso de Portugal, Senhor de Portalegre e de Violante Manuel, filha de Manuel de Castela, de quem não teve filhos.

O segundo casamento foi com Isabel Ponce de Leão, filha de Pedro Ponce de Leão de Meneses e de Sancha Gil de Bragança, de quem teve:

Fora do casamento e com Aldonça Lourenço de Valadares, filha de Lourenço Soares de Valadares e de Sancha Nunes de Chacim, teve:

Referências

  1. História Genealógica da Casa Real Portuguesa, D. António Caetano de Sousa, Atlântida-Livraria Editora, Lda, 2ª Edição, Coimbra, 1946, Tomo I-pg. 230]

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. Na grafia da época, ainda que não fosse normalizada, o seu nome surge como "Pero Fernandez de Crasto", por exemplo, no Wikisource-logo.svg Juramento de D. Pedro I do matrimónio celebrado com D. Inês de Castro (1360)..

Bibliografia[editar | editar código-fonte]