Processo de Kimberley

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Processo de Kimberley é (Kimberley Process Certification Scheme) (KPCS) é um processo que visa certificar a origem de diamantes, a fim de evitar a compra de pedras originárias de áreas de conflito.1 Foi criado em 2003 com o objetivo de evitar o financiamento de armas em países africanos em guerra civil. Em 2000, diversos países aceitaram o ""Processo Kimberley"", comprometendo-se a só adquirir diamantes brutos certificados (com procedência confirmada por certificado oficial) e a recusar importações vindas de áreas de conflito. Trata-se de uma importante tentativa de romper o vínculo entre o estímulo às guerras civis e a comercialização de recursos naturais valiosos.

Referências

  1. The Kimberley Process World Diamond Council Website - Diamondfacts.org, accessed November 6, 2006
Ícone de esboço Este artigo sobre política, partidos políticos ou um político é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.