Radia Perlman

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Radia Perlman
Ciência da computação
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Nascimento 1 de janeiro de 1951 (65 anos)
Local Portsmouth
Atividade
Campo(s) Ciência da computação
Instituições Intel Corporation
Alma mater Instituto de Tecnologia de Massachusetts
Tese 1988: Network layer protocols with Byzantine robustness
Orientador(es) David Clark
Prêmio(s) Prêmio SIGCOMM (2010), Internet Hall of Fame (2013), National Inventors Hall of Fame (2016)

Radia Joy Perlman (Portsmouth, 1 de janeiro de 1951) é uma cientista da computação estadunidense.

Projetista de software e engenheira de redes, é algumas vezes referenciada como a "mãe da Internet".[1] É mais conhecida por sua invenção do Spanning Tree Protocol, quando trabalhava na Digital Equipment Corporation, que é fundamental para a operação de bridge (redes de computadores).

Referências

  1. «www.networkworld.com/community/node/5738». Network World. Consultado em 26 de outubro de 2010. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.