Século III

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Milénios: primeiro milénio a.C. - primeiro milénio d.C. - segundo milénio d.C.
Séculos: Século II - Século III - Século IV

O século III começou em 1 de janeiro de 201 e terminou em 31 de dezembro de 300 esse século foi marcado por uma grande crise no Império Romano o que ficou conhecido como a Crise do terceiro século. A crise, começou com o assassinato do Imperador Romano Severo Alexandre em 235, mergulhando o Império em um período de problemas econômicos, incursões bárbaras, convulsões políticas, guerras civis e a divisão do Império Romano através do Império Gálico no oeste e do Império de Palmira no leste, que juntos ameaçaram destruir o Império Romano em sua totalidade, mas as reconquistas dos territórios separados pelo Imperador Aureliano e o período de estabilização sob o Imperador Diocleciano devido ao fortalecimento administrativo do império causou o fim da crise em 284. Essa crise também marcaria o início da Antiguidade Tardia.

Mais ou menos nessa época, na África Subsaariana, a expansão Bantu atingiu a África Austral.

Na Pérsia, o Império Parta foi sucedido pelo Império Sassânida em 224, depois que Artaxes I derrotou e matou Artabano V durante a Batalha de Hormozdgan. Os sassânidas então subjugaram muitas das partes ocidentais do decadente Império Cuchana.

Na Índia, o Império Gupta estava em ascensão no final do século.

Na China, o caos que se alastrava desde 189 acabaria por continuar a persistir com a derrota decisiva de Cao Cao na Batalha dos Penhascos Vermelhos em 208, o que acabaria cada vez mais com as esperanças de unificação e levaria à divisão tripartida da China em três principais reinos; Shu Han, Wu e Cao Uei, coloquialmente conhecido como o período dos Três Reinos, que começou em 220 com a abdicação formal do imperador Xian de Han ao filho de Cao Cao, Cao Pi, fundando assim Wei, que viria a conquistar Shu em 263, mas seria finalmente unido novamente sob a dinastia Jin, liderada pelo clã Sima, que usurparia Wei em 266 e conquistaria Wu em 280.

A Coréia era governada pelos Três Reinos da Coreia. O Japão entrou no período Kofun. Os Xiongnu formaram o estado de Tiefu sob Liu Qubei. O continente do sudeste asiático era dominado principalmente pelo Reino de Funan, o primeiro reino do povo Quemer (cambojanos).

Na América pré-colombiana, a cultura Adena do vale do rio Ohio declinou em favor da cultura Hopewell. A civilização maia entrou em sua era clássica.

Décadas e anos[editar | editar código-fonte]

Década de 190 190 191 192 193 194 195 196 197 198 199
Década de 200 200 201 202 203 204 205 206 207 208 209
Década de 210 210 211 212 213 214 215 216 217 218 219
Década de 220 220 221 222 223 224 225 226 227 228 229
Década de 230 230 231 232 233 234 235 236 237 238 239
Década de 240 240 241 242 243 244 245 246 247 248 249
Década de 250 250 251 252 253 254 255 256 257 258 259
Década de 260 260 261 262 263 264 265 266 267 268 269
Década de 270 270 271 272 273 274 275 276 277 278 279
Década de 280 280 281 282 283 284 285 286 287 288 289
Década de 290 290 291 292 293 294 295 296 297 298 299
Década de 300 300 301 302 303 304 305 306 307 308 309

[1]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «Século III» (em inglês). Quora. Consultado em 9 de maio de 2020