Sheyla Hershey

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sheyla Hershey
Nome completo Sheyla Almeida Hershey
Nascimento 19 de dezembro de 1979 (37 anos)
São Mateus, ES
Nacionalidade brasileira
Ocupação modelo e designer de moda
Página oficial
Página oficial

Sheyla Almeida Hershey (São Mateus, Espírito Santo, 19 de dezembro de 1979) é uma modelo e designer de moda brasileira que reside, desde 2002, em Houston, Texas, Estados Unidos[1].

Biografia[editar | editar código-fonte]

Sheyla nasceu em São Mateus, no extremo norte do Espírito Santo mas viveu por muitos anos em Vitória, capital do estado. Foi considerada a mulher com as maiores próteses de silicone do mundo,[quando?] com 3,5 litros de silicone em cada mama,[1] enquanto os maiores seios naturais eram atribuídos a Annie Hawkins-Turner, também conhecida como Norma Stitz, uma stripper e artista pornô. Sheyla, no dia 16 de julho de 2010 sofreu complicações com sua última cirurgia plástica, adquirindo na mesma uma bactéria hospitalar (estafilococo), na qual Sheyla além de ter tido de tirar as suas próteses e a própria mama, correu risco de morte.

Fez sua primeira operação aos 20 anos. Em 2011, já tinha feito mais de 20 operações, sendo 9 apenas para aumentar seus seios. [1]

Sheyla é bipolar e, em 14 de fevereiro de 2011, com depressão, tentou se matar com uma superdose de medicamentos.[2] Após 4 dias de coma,[1] falou, em entrevista ao jornal The Sun, que iria recolocar próteses de silicone em seus seios.[3]

Família[editar | editar código-fonte]

Até 2011, era casada com um engenheiro estadunidense chamado Derik Hershey e tinha dois filhos com ele, Victória Nicole e Victor Hugo.[4][1][3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e Amauri Arrais (28 de julho de 2011). «Brasileira vai reimplantar 'maiores seios do mundo' após ficar em coma». G1. São Paulo (cidade): Grupo Globo. Consultado em 13 de novembro de 2017 
  2. Aline Couto (15 de fevereiro de 2011). «Modelo brasileira que tinha os maiores seios do mundo tenta se matar». Jornal Extra. Infoglobo - Grupo Globo. Consultado em 13 de novembro de 2017 
  3. a b Aline Couto (19 de fevereiro de 2011). «Modelo brasileira que tinha os maiores seios do mundo acorda do coma e diz que vai recolocar as próteses de silicone». Jornal Extra. Infoglobo - Grupo Globo. Consultado em 13 de novembro de 2017 
  4. João Novaes (14 de julho de 2010). «Modelo brasileira corre risco de morte após aplicar 3,5 L de silicone». G1. São Paulo (cidade): Grupo Globo. Consultado em 13 de novembro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.