Terrier

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gravura de 1919. Cães de raça do tipo terrier. Livro dos cães, um estudo sobre raças.

Terrier é um grupo de raças de cães produzidas inicialmente para caça de pequenos animais. Geralmente de porte pequeno e médio, estes cães são extremamente corajosos e resistentes, e têm uma personalidade vívida, e energética. São cães dominantes, territorialistas e por vezes considerados teimosos.[1] Comumente apresentam agressividade contra outros animais, principalmente contra outros cães, devendo então serem socializados desde filhotes.[2]

As raças de terrier foram desenvolvidas nas ilhas britânicas. Foram usados para caçar a raposas, fuinhas, e ratos em tocas sob a terra. De fato, a palavra terrier vem do Francês Médio terrier e antes dele do latim terra, significando literalmente terra.[3]

Na maioria dos clubes oficiais de cinofilia existe o grupo Terrier, como na Federação Cinológica Internacional (FCI) da Bélgica, da qual a Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC), e o Clube Português de Canicultura (CBC) fazem parte, no American Kennel Club (AKC - EUA), e no The Kennel Club (TKC - Inglaterra).[4] [5]

Algumas raças do tipo terrier[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre cães, integrado ao Projeto Cães é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.