Tsunami (Marvel Comics)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura o artigo sobre ondas gigantes, veja Tsunami.

Tsunami foi uma linha editorial da Marvel Comics com pouco sucesso, que foi fundada em Janeiro de 2003. O objectivo da Marvel era criar Banda Desenhada que fosse atractiva para os leitores de mangas[1].

Além de uma arte semelhante à do mangás, os títulos tinham pouco em comum. Runaways e Sentinel estavam dirigidos às crianças e jovens adolescentes. Por outro lado, Mística abordava a espionagem e temas mais obscuros, destinando-se a um público mais velho.

Os resultados foram extremamente díspares. Enquanto que Runaways[2] e Sentinel[3] ganharam elogios da crítica e do público, outros títulos como Tocha Humana e Namor não agradavam. Muitos fãs de banda desenhada olhavam esta linha editorial como uma tentativa barata da Marvel capitalizar à custa da crescente popularidade da banda desenhada japonesa nos Estados Unidos.

A linha editorial foi cancelada no fim de 2003. Runaways e Sentinel foram transferidos para a linha editorial Marvel Age (atual Marvel Adventures) e Mística para a linha editorial principal da Marvel Comics. Em 2005, reedita-se a série Tocha Humana numa compilação em formatinho na linha editorial Marvel Age[4].

Títulos publicados[editar | editar código-fonte]

  • Tocha Humana
  • Mística
  • Namor
  • Runaways
  • Sentinel
  • Venom

Alguns destes títulos foram publicados no Brasil pela Panini, sendo inéditos nos outros países lusófonos.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre banda desenhada é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.