Usina Hidrelétrica Leonel de Moura Brizola

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Usina Hidrelétrica Leonel de Moura Brizola (ex-Usina Hidrelétrica do Jacuí) é uma usina hidrelétrica brasileira localizada no estado do Rio Grande do Sul. Tem potência efetiva de 180 MW e sua concessionária é a Companhia Estadual de Geração e Transmissão de Energia Elétrica.

A primeira unidade da Usina Hidrelétrica do Jacuí começou a operar em 1962. Localizada no rio Jacuí, no município do Salto do Jacuí. A usina possui seis grupos geradores de 30 MW, com adução realizada por túnel de 1.200 metros de comprimento e nove metros de diâmetro. A Barragem Engenheiro Maia Filho forma um reservatório de 5.420 hectares e possui dezessete comportas. Em 2005, a Usina Hidrelétrica Jacuí passou a se denominar Usina Hidrelétrica Leonel de Moura Brizola, em homenagem ao político gaúcho Leonel Brizola.

Ficha técnica[editar | editar código-fonte]

  • Rio: Jacuí.
  • Entrada em operação: setembro de 1962.
  • Município(s) atingido(s) pelo reservatório:
    • Margem direita: município do Salto do Jacuí
    • Margem esquerda: município do Salto do Jacuí
  • Turbina:
    • Tipo: Francis, eixo vertical
    • Potência: 6 x 30 MW
    • Queda líquida: 96,00 metros
  • Barragem:
    • Nome: Engenheiro Maia Filho
    • Tipo: gravidade em concreto armado
    • Altura: 24,45 metros
    • Comprimento: 431,50 metros

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre engenharia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.