Bacia do rio Parnaíba

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

A bacia do rio Parnaíba é uma das doze regiões hidrográficas do território brasileiro, abrangendo quase totalmente o estado do Piauí, parte do Maranhão e uma pequena área do Ceará, totalizando 344.112 km². O rio Parnaíba é o principal da região, com aproximadamente 1.400 km de extensão. Apesar de o bioma predominante na bacia ser a Caatinga, esta é uma região de transição entre a Caatinga, a Floresta Tropical e a vegetação litorânea.[1][2]

O maior adensamento urbano da região é a capital piauiense de Teresina. Toda a região é caracterizada por índices críticos de abastecimento de água, esgotamento sanitário e tratamento de esgotos.[2] A escassez hídrica é historicamente apontada como causa do atraso econômico e social da região. Compõe junto com a bacia do Paraná e a do Amazonas, as três maiores bacias sedimentares brasileiras.[1][3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Rio Parnaíba». Só Geografia. Consultado em 18 de fevereiro de 2021 
  2. a b Brasil, Governo do. «Bacia do Rio Parnaíba». www.brasil.gov.br. Consultado em 18 de fevereiro de 2021 
  3. Brasil, Educa Mais. «Educa Mais Brasil - Bolsas de Estudo de até 70% para Faculdades – Graduação e Pós-graduação». Educa Mais Brasil. Consultado em 18 de fevereiro de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]