Usina Hidrelétrica de São Simão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde maio de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Usina Hidrelétrica de São Simão
Localização
Localização Rio Paranaíba, Brasil Editar isso no Wikidata
Bacia hidrográfica Bacia do rio da Prata
Coordenadas 19°1'9"S, 50°29'59"W, 19°1'8.00"S, 50°29'53.99"W
Tipo barragem de aterro

A Usina Hidrelétrica de São Simão está localizada na divisa dos estados de Minas Gerais e Goiás, na divisa dos munícipios de São Simão - GO e Santa Vitória - MG.

Características[editar | editar código-fonte]

A usina opera com 6 turbinas, que geram 1.710 MW. A área máxima inundada pelo reservatório é de 722,25 km² de área[1], a barragem da usina tem 127 metros de altura (máximo operativo com 401 m do nível do mar, com queda efetiva útil para geração de energia elétrica de 70,9 m - mínimo operativo 390,5 m do nível do mar, com queda efetiva útil para geração de energia elétrica de 60,4 m[2]) e comprimento de 3,5 km. O volume de água em seu lago pode chegar a 12, 5 bilhões de . No auge de sua construção, foram empregados cerca de seis mil trabalhadores. A usina foi inaugurada em 1978. Atualmente a empresa proprietária da usina é a chinesa SPIC Pacific Hydro, que arrematou em leilão em 27/09/17. A área drenada é de 171.000 Km2[1].

Segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) o lago da Usina Hidrelétrica de São Simão é capaz de armazenar 2,54% do volume represável pelos reservatórios do Sistema Sudeste/Centro Oeste, o que representa 6,7% do armazenamento de água do sub-sistema do Rio Paranaíba[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b São Simão, acesso em 21 de junho de 2014
  2. SILVA FILHO, Donato. Dimensionamento de Usinas Elétricas Através de Técnicas de Otimização Evolutiva. Tese de doutorado em engenharia elétrica na Universidade de São Paulo (Campus de São Carlos). Dezembro de 2003.
  3. Situação dos Principais Reservatórios do Brasil Arquivado em 26 de abril de 2015, no Wayback Machine., acesso em 07 de maio de 2014.