Vaga-lume

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Vagalume)
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Vaga-lume (desambiguação).
NoFonti.svg
Este artigo ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde janeiro de 2011).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Como ler uma caixa taxonómicaVaga-lume
Lampyris noctiluca na Alemanha

Lampyris noctiluca na Alemanha
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Arthropoda
Classe: Insecta
Ordem: Coleoptera
Infraordem: Elateriformia
Superfamília: Elateroidea
Família: Elateridae, Phengodidae e Lampyridae
Gêneros
Curtos

Cyphonocerus

Drilaster

Ellychnia

Hotaria

Lampyris

Lucidina

Luciola

Photinus

Photuris

Pristolycus

Pyractomena

Pyrocoelia

Stenocladius

Vaga-lume ou pirilampo [1][2] são denominações comuns de insetos coleópteros das famílias Elateridae, Phengodidae ou Lampyridae, notórios por suas emissões de luz fosforescente. As suas larvas alimentam-se principalmente de vegetais e outros insetos menores.[3] A espécie de vaga-lume mais comum no Brasil é a Lampyris noctiluca, na qual apenas os machos são alados.

Luminosidade[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Bioluminescência

Os órgãos bioluminescentes do vaga-lume localizam-se na parte inferior dos segmentos abdominais. A luciferina é oxidada pelo oxigênio nuclear, com mediação da enzima luciferase, resultando em oxiluciferina que perde energia, fazendo assim o inseto emitir luz.Erro de citação: Elemento de fecho </ref> em falta para o elemento <ref>. "Noctiluz" vem do latim nox, noctis (noite) e do português "luz"[4]. "Pirífora" vem da junção dos gregos pÿr, pyrós (calor, fogo)[5] e phorós, ós, ón ("que leva, que conduz")[6]. "Uauá" é um termo de origem tupi[7].

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikcionário Definições no Wikcionário
Commons Imagens e media no Commons
Commons Categoria no Commons
Wikispecies Diretório no Wikispecies

Notas e referências

  1. Neves, Maria Helena de Moura. Guia de uso do português: confrontando regras e usos (em pt). [S.l.]: Editora UNESP. ISBN 9788571394575
  2. Piacentini, Maria Tereza de Queiroz. Não Tropece na Língua: Lições e curiosidades do português brasileiro (em pt). [S.l.]: Editora Bonijuris. ISBN 9788565017039
  3. Superinteressante ed.111/dez 96
  4. FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.1 196
  5. FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.1 338
  6. FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.802
  7. FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.1 732

Bibliografia[editar | editar código-fonte]