Valdez Is Coming

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde abril de 2018). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Valdez Is Coming
Quando os Bravos Se Encontram[1] (BRA)
 Estados Unidos
1971 •  cor •  90 min 
Direção Edwin Sherin
Roteiro Roland Kibbee
David Rayfiel
Elenco Burt Lancaster
Susan Clark
Jon Cypher
Gênero Faroeste
Idioma inglês

Valdez Is Coming (br: Quando os Bravos Se Encontram) é um filme de faroeste estadunidense de 1971, dirigido por Edwin Sherin. O roteiro de Roland Kibbee e David Rayfiel adapta romance homônimo de Elmore Leonard.As locações foram em Almeria na Espanha.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O veterano auxiliar de xerife da cidade fronteiriça de Lanoria e mestiço mexicano-americano Bob Valdez, resolve intervir num conflito entre o poderoso rancheiro Frank Tanner e um homem negro ex-militar que ele acusa de ter matado o amigo James C. Erin. Como Tanner não afirma ter certeza da identidade de quem acusa, Valdez resolve ir até o homem que está cercado numa cabana e se certificar mas acaba tendo que matá-lo. De fato não era o homem procurado e Valdez se sente culpado pela índia apache companheira que ficara viúva e estava grávida do falecido. Ele procura Tanner e lhe pede 100 dólares para dar a índia como indenização mas o fazendeiro se recusa e o humilha, amarrando uma cruz de madeira em suas costas e o fazendo vagar sozinho no deserto. Valdez é ajudado a se livrar da cruz e consegue se recuperar auxiliado pelo amigo Diego. Ele então resolve pegar o dinheiro à força de Tanner e apanha suas armas e seu antigo uniforme de cavalariano das Guerras Apache e invade a fazenda onde o inimigo está, protegido por inúmeros guardas armados. Antes, manda uma mensagem a ele através de um capanga moribundo: "Valdez is coming" ("Valdez está chegando").

Recepção[editar | editar código-fonte]

O filme recebeu críticas negativas. Vincent Canby do The New York Times elogia a presença de Lancaster mas opina que (em tradução livre) "Muitos floreios extravagantes, que eu associo a experiência teatral do Senhor Sherin, aparecem em todo filme, sobre grupos pitorescos de personagens pitorescos, e uma trilha sonora que pontilha cada ação".[2]

Quando o filme foi lançado para vídeo, Ty Burr do Entertainment Weekly o criticou dizendo: "Lento e irregular, Valdez consegue um feito admirável: Drena a personalidade de Lancaster ".[3]

Portal A Wikipédia tem o portal:

Referências

  1. Quando os Bravos Se Encontram no CinePlayers (Brasil)
  2. Canby, Vinent. The New York Times, trsenha de filme, "'Valdez Is Coming': Burt Lancaster Stars in Vengeful Western" 10 de abril de 1971. Último acesso: 17 de fevereiro de 2011
  3. Burr, Ty. Entertainment Weekly, resenha de filme, 31 de maio de 1996. Último acesso: 17 de fevereiro de 2011
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme de faroeste é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.