WebKit

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
WebKit
Compass in a box.svg
Desenvolvedor Apple, KDE, Nokia, Google, RIM, Palm, Samsung, outros.
Plataforma Multiplataforma[1]
Lançamento 4 de novembro de 1998; há 18 anos
Gênero(s) Framework para aplicativos
Licença LGPLv2 / estilo BSD
Página oficial www.webkit.org

WebKit é um motor de renderização utilizado em navegadores web para renderizar páginas. O WebKit é utilizado por navegadores como o Safari, e o Google Chrome (embora esse tenha anunciado que iria abandonar o WebKit em favor do Blink) que em Julho de 2013 detinham cerca de 8.6% e 43.1% do mercado de navegadores, respectivamente, tendo desta forma o domínio do mercado dos navegadores com uma utilização de 51.7% no total.

O WebKit é escrito primariamente em C++ mas provê ports, ou bindings, para várias linguagens e frameworks, como Objective-C, Qt, Gtk+ e EFL.

O WebKit foi originado pela Apple Inc. a partir da biblioteca KHTML para uso no navegador Safari, mas como projeto de código aberto, hoje é mantido por desenvolvedores de várias organizações, como Projeto KDE, Apple Inc., Google, Nokia e Samsung.[2] Mac OS X, Windows, GNU/Linux e outros Sistemas Operacionais similares ao Unix são suportados pelo projeto.[3]

A maioria dos componentes do projeto WebKit está disponível sob as licenças LGPLv2 e no estilo BSD.[4]

Navegadores baseados em WebKit[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «WebKit». Trac.webkit.org. Consultado em 2010-12-27. 
  2. Maciej Stachowiak (November 9, 2008). «Companies and Organizations that have contributed to WebKit». WebKit Wiki. Consultado em 2011-07-25. 
  3. «The WebKit Open Source Project - Getting the Code». Webkit.org. Consultado em 2011-07-25. 
  4. «The WebKit Open Source Project». WebKit Community. Consultado em 2011-07-25. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre software livre é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.