WebKit

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
WebKit
Compass in a box.svg
Desenvolvedor Apple, KDE, Nokia, Google, RIM, Palm, Samsung, outros.
Plataforma Multiplataforma[1]
Lançamento 4 de novembro de 1998; há 19 anos
Gênero(s) Framework para aplicativos
Licença LGPLv2 / estilo BSD
Página oficial www.webkit.org

WebKit é um motor de renderização utilizado em navegadores web para renderizar páginas. O WebKit é utilizado por navegadores como o Safari, e o Google Chrome (embora esse tenha anunciado que iria abandonar o WebKit em favor do Blink) que em Julho de 2013 detinham cerca de 8.6% e 43.1% do mercado de navegadores, respectivamente, tendo desta forma o domínio do mercado dos navegadores com uma utilização de 51.7% no total.

O WebKit é escrito primariamente em C++ mas provê ports, ou bindings, para várias linguagens e frameworks, como Objective-C, Qt, Gtk+ e EFL.

O WebKit foi originado pela Apple Inc. a partir da biblioteca KHTML para uso no navegador Safari, mas como projeto de código aberto, hoje é mantido por desenvolvedores de várias organizações, como Projeto KDE, Apple Inc., Google, Nokia e Samsung.[2] Mac OS X, Windows, GNU/Linux e outros Sistemas Operacionais similares ao Unix são suportados pelo projeto.[3]

A maioria dos componentes do projeto WebKit está disponível sob as licenças LGPLv2 e no estilo BSD.[4]

Navegadores baseados em WebKit[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «WebKit». Trac.webkit.org. Consultado em 27 de dezembro de 2010 
  2. Maciej Stachowiak (9 de novembro de 2008). «Companies and Organizations that have contributed to WebKit». WebKit Wiki. Consultado em 25 de julho de 2011 
  3. «The WebKit Open Source Project - Getting the Code». Webkit.org. Consultado em 25 de julho de 2011 
  4. «The WebKit Open Source Project». WebKit Community. Consultado em 25 de julho de 2011 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre software livre é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.