Winglitton Rocha Barros

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Winglitton Rocha Barros
Informações pessoais
Nome completo Winglitton Rocha Barros
Apelido China
Modalidade handebol
Nascimento 22 de junho de 1974 (42 anos)
São Luís, MA
Nacionalidade  brasileira
Medalhas
Jogos Pan-Americanos
Ouro Santo Domingo 2003 Equipe
Prata Mar del Plata 1995 Equipe

Winglitton Rocha Barros, conhecido como China, (São Luís, 22 de junho de 1974) é handebolista brasileiro.[1][2]

Trajetória desportiva[editar | editar código-fonte]

Começou a jogar handebol com 10 anos sob a orientação do técnico Zé Pinheiro Silva.[3] Seu desempenho lhe valeu uma bolsa de estudos na Escola Santa Tereza.[3]

Em 1991 transferiu-se para o Handebol Chapecó, em Santa Catarina, a convite do técnico Luís Celso Giacomini.[3] Passou ainda pelas equipes do Caçador, Concórdia, Metodista/São Bernardo, Handebol São Caetano (1998), Moto Clube de São Luís e, a partir de 1999, defendeu o Vasco da Gama.[3]

Chegou à seleção brasileira adulta em 1995, mesmo ano em que conquistou a medalha de prata nos Jogos Pan-Americanos de Mar del Plata.[3] No ano seguinte participou dos Jogos Olímpicos de Atlanta.[3]

Transferiu-se para o handebol italiano por duas temporadas,[3] e ajudou a equipe de GAETA, a cerca de 140 km de Roma, a subir da 2ª para a 1ª divisão, sendo um dos artilheiros da competição.

Em 2006 retornou ao Brasil para atuar pelo Esporte Clube Pinheiros,[3] clube da capital paulista, conquistando todos os títulos dos campeonatos disputados.

Aposentou-se da seleção brasileira em 2004, às vésperas de disputar sua segunda olimpíada, em Atenas, por lesão no ombro direito. Em 2008 aposentou-se das quadras.[3]

Artilharia[editar | editar código-fonte]

  • Artilheiro da seleção brasileira no pan-americano em 2003
  • Artilheiro da seleção brasileira no sul-americano em 2000
  • Artilheiro e melhor jogador da Liga Nacional de Handebol em 1999, 2000 e 2001
  • Artilheiro e melhor jogador do campeonato brasileiro em 1997 e 1998
  • Artilheiro do campeonato carioca em 2000 e 2001

Títulos[editar | editar código-fonte]

  • Campeão pan-americano em 2003
  • Vice-campeão pan-americano em 1995
  • Vice-campeão pan-americano júnior em 1993, pela seleção
  • Vice-campeão pan-americano em 1994, pela seleção
  • Campeão sul-americano em 2000
  • Bicampeão brasileiro de 1992 e 1993, pelo Chapecó
  • Bicampeão da Copa do Brasil de 1992 e 1993, pelo Chapecó
  • Campeão brasileiro de 2005 pela Metodista
  • Campeão da Copa do Brasil de 2005, pela Metodista
  • Campeão da Liga Nacional de 2003, pelo São Caetano
  • Campeão da Copa do Brasil de 2006, pelo Esporte Clube Pinheiros
  • Campeão da Liga Nacional de 2007, pelo Esporte Clube Pinheiros
  • Pentacampeão maranhense, pelo Moto Clube
  • Bicampeão carioca, pelo Vasco
  • Bicampeão catarinense
  • Campeão gaúcho

Trajetória fora das quadras[editar | editar código-fonte]

Em 2009 formou-se em jornalismo pela Universidade Paulista, e fez pós-graduação em gestão pública pela Fundação Getulio Vargas em São Paulo.[3]

Em 2011 foi nomeado secretário-adjunto de projetos especiais da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer do Maranhão.[1] Coordenou, junto com a Federação Maranhense de Handebol, o Campeonato Brasileiro de Handebol da primeira divisão realizado em São Luís, no mês de setembro de 2011. Idealizou e coordenou o Evento Verão Litorânea, a Estação dos Esportes, evento realizado aos finais de semana do mês de julho na orla de São Luís, capital do Maranhão.

Coordenou a campanha do deputado estadual mais votado do Maranhão em 2010 e, em 2012, exercendo a função de coordenador geral, ajudou a eleger a prefeita de Coroatá. Foi convidado em dezembro de 2012 para ser o secretário chefe da Casa Civil da cidade de Coroatá.[4]

Em 2016, China candidatou-se a vereador na cidade de São Luís pelo Partido Social Liberal (PSL); obteve 726 e ficou como suplente.[5]

Referências

  1. a b Zeca Soares (3 de Maio de 2005). «China defende apoio ao esporte de base em todo o Maranhão». sítioImirante.Globo.com. Consultado em 20 de Junho de 2012 
  2. «Perfil na Sports Reference». Consultado em 6 de janeiro de 2016 
  3. a b c d e f g h i j Olimpianos - Atletas olímpicos brasileiros: CHINA Acessado em 2 de fevereiro de 2017
  4. Diário Oficial MA - Publicado em 16/01/2013 Acessado em 2 de fevereiro de 2017
  5. Últimas Notícias - Candidatos a Vereador em 2016 - CHINA DO HANDEBOL (WINGLITTON ROCHA BARROS) Acessado em 2 de fevereiro de 2017