Allodaposuchus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou secção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde outubro de 2011). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Trechos sem fontes poderão ser removidos.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing.


Como ler uma caixa taxonómicaAllodaposuchus
Ocorrência: Cretáceo Superior
Allodaposuchus precedens. Autoridade: Nopcsa, 1928

Allodaposuchus precedens. Autoridade: Nopcsa, 1928
Estado de conservação
Extinta (fóssil)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Reptilia
Superordem: Crocodylomorpha
Espécie: Extinto L. canadensis Lambe, 1907 (tipo)

Allodaposuchus é um gênero extinto de crocodilomorfo eusuchiano e um parente primitivo dos crocodilianos. Viveu durante o Cretáceo Superior (Campaniano-Maastrichtiano) na parte sul da Europa (Espanha, Roménia e França).

Restos fragmentários de Allodaposuchus precedens foram encontrados em Valioara, na Bacia Hateg na Roménia.[1]
These fragments were originalmente identified as Crocodilus affuvelensis Matheron, 1869,[2] cujos ninhos têm sido encontrados na França. Ambas as espécies foram consideradas como sinônimas; todavia, o C. affuvelensis tem sido recentemente reconhecido como pertencendo ao gênero Massaliasuchus.[3]
Mais recentemente (2006), um crânio completo de A. precedens foi descoberto na localidade Maastrichtiana de Oarda de Jos na Bacia Transilvaniana, sudoeste da Romênia, e fez derramar novas luzes sobre a filogenia do gênero. [4]

Provavelmente cresceu para cerca de 10 pés de comprimento, dependendo de que tipo de ambiente ele morou.[carece de fontes?]

Na cultura popular[editar | editar código-fonte]

Allodaposuchus é caracterizado no segundo episódio da série de TV Dinosaur Planet do Discovery Channel, onde foi descrito por Christian Slater como "um nome extenso para um animal de cérebro pequeno, mas totalmente destemido em batalha".

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Nopcsa F., 1928 - Paleontological notes on Reptilia. 7. Classification of the Crocodilia - Geologica Hungarica, Series Palaeontologica 1: 75–84.
  2. Nopcsa F., 1915–16 - Die Dinosaurier der siebenbürgischen landesteile Ungarns - Mitteilungen Aus Dem Jahrbuche Der KGL. Ungarischen Geologischen Reichsanstalt: 1–24.
  3. Martin J. E. & Buffetaut E. 2008 - Crocodilus affuvelensis Matheron, 1869 from the Late Cretaceous of southern France: a reassessment - Zoological Journal of the Linnean Society 152 (3): 567-580
  4. Buscalioni, A. D., Ortega F., Weisampel D. B. & Jianu C. M., 2001 - A revision of the crocodyliform Allodaposuchus precedens from the Upper Cretaceous of the Hateg Basin, Romania. Its relevance in the phylogeny of Eusuchia - Journal of Vertebrate Paleontology 21: 74–86. PDF
  • Martin, J.E. 2010. "Allodaposuchus Nopsca, 1928 (Crocodylia, Eusuchia), from the Late Cretaceous of Southern France and its relationships to Alligatoroidea." Journal of Vertebrate Paleontology 30 (3): 756–767.
Portal A Wikipédia possui o portal:

Predefinição:Esboço-paleo-archosauro