Azula

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Azula
Personagem de Avatar: A Lenda de Aang
Azula

Azula
Nacionalidade Nação do Fogo
Sexo Feminino
Cor dos cabelos Castanho
Cor dos olhos Mel
Posição Prodígio Dominadora de Fogo
Ex Princesa da Nação do Fogo
Antiga Chefa do Dai Li
Paciente de Saúde Mental
Princesa Regente (derrubado por Zuko durante a coroação)
Parentesco Ursa (Mãe)
Ozai(Pai)
Zuko (Irmão Mais Velho)
Iroh (Tio)
Lu Ten (Primo)
Azulon (Avô Paterno)
Ilah (Avó Paterna)
Roku (Bisavô Materno)
Ta Min (Bisavó Materna)
Sozin (Bisavô Paterno)
Estilo (s) de Luta Dobra de Fogo
Arma (s) de Escolha Fogo
Afiliação Dai Li (Anteriormente)
Nação do Fogo
Técnicas e Habilidades Pirocinésia
Eletrocinésia
Primeira aparição "A Tempestade" (Apenas um Flashback)
"O Cerco do Norte, Parte 2" (Real)
"O Estado Avatar" (Papel Falado)
Dublado por Estados Unidos Grey DeLisle
Brasil Mariana Torres
Projeto Televisão
Portal Televisão

Princesa Azula é uma personagem fictícia na série de animação Avatar: A Lenda de Aang[1] , produzida e exibida pelo canal norte-americano Nickelodeon[2] . Na série, Azula é um habilidosa dobradora de fogo, filha preferida de Ozai, soberano da Nação do Fogo e irmã do príncipe Zuko.[3] O personagem apareceu em 15 [4] de um total de 61 episódios[5] da referida série. Azula é a silhueta do dobrador de fogo nos créditos de abertura da série.

História[editar | editar código-fonte]

A princesa Azula é a filha mais nova do Senhor do Fogo Ozai e irmã do Zuko. Seu nome é uma homenagem a seu avô, pai de Ozai, o Senhor do Fogo Azulon. Nas tradições chinesas, o azul ou Azure Dragon é o mais forte dos Quatro Símbolos das constelações, é o Dragão do Leste, controla os melhores territórios, e representa a primavera, que é a estação no Livro 2.

Sua primeira aparição na série foi no episódio A tempestade, durante a punição de Zuko em um Agni kai. Azula está na platéia e parece achar muito divertida a punição de seu irmão. Tanto Zuko quanto seu Tio, Iroh não gostam de Azula. No caso de Zuko, por causa dos tormentos físicos e psicológicos de Azula na infância, enquanto Iroh reage a suas atitudes imorais e seu jeito cruel de continuar a guerra.

Azula cresceu no esplendor e privilégios de ser realeza na Nação do Fogo. Sua mente espirituosa e o fato de ser um prodígio na dobra de fogo ganhou grande atenção e elogios, e rapidamente se tornou o filho favorito de Ozai. O pai a criou como sua verdadeira herdeira, mostrando-a políticas e confidências, enquanto ignorava Zuko. A qualidade de seu navio e de seus soldados mostra seu favorecido status. Nos segundos finais do episódio O cerco do norte parte 2, o Senhor do Fogo Ozai lhe deu a missão de capturar Zuko e Iroh.

No último episódio da série, ela numa luta contra seu irmão é derrotada, já que estava sofrendo pelo abandono de suas amigas Mai e Ty Lee, que a deixaram confusa psicologicamente, deixando-a louca. No final da série, Azula tem um colapso mental e é internada num hospital psiquiátrico onde ela é vigiada 24 horas por dia.

Personalidade[editar | editar código-fonte]

Vaidosa, se dirige implacavelmente em direção à perfeição por exibir uma necessidade de ser a melhor que todos os outros e, mesmo criança, agia violentamente quando outro se saía melhor que ela. Sempre foi mimada por seu pai e acredita que poder e dominação é o que fazem alguém forte.

É conhecida por ser um dos personagens mais cruéis da série. Sua agressão sadística e nenhum remorso sugerem que poderia ser uma sociopata — sua própria mãe, Rainha Ursa costumava dizer, "O que tem de errado com essa criança?" No episódio "Zuko Sozinho", sua primeira reação quando ouviu que Lu Ten, filho do Iroh tinha morrido na batalha é pensar que seu pai deveria ser o herdeiro do trono. Outro comentário sangue-frio, quando ouviu que Iroh desistiria de seu cerco de dois anos à Ba Sing Se devido ao sofrimento da morte de seu filho, ela o rejeita como sendo um "perdedor desistente".

Essa crueldade e a falta de compaixão para com os outros se estende a toda família, com exceção de seu pai. Ela sorri maliciosamente quando Zuko é queimado e marcado por seu pai. Ela também não pareceu se importar quando sua mãe desapareceu ou quando seu avô morreu, ao invés disso, apreciou seu pai roubar o direito de Iroh ao trono.

Além de tudo, ela se diverte irritando Zuko, chamando-o de "Zuzu", um apelido que ele detesta e frequentemente diz para ela não usá-lo. Ela gosta de lembrar a inferioridade de Zuko aos olhos de seu pai, fazendo Zuko se sentir envergonhado na frente da família e amigos. Ela é vingativa e rude com os outros e não hesita em ameaçar que poderia a desobedecer ou falhar em completar seus desejos.

O grande poder de Azula na dobra de fogo não driblou sua atitude. Seu característico fogo azul simboliza o poder que ela possui e constantemente procura aumentar. Sua apatia também conta na sua habilidade de criar raio, o fogo sangue-frio, segundo Iroh, a habilidade exige controle de todas as emoções, o que não se provaria difícil para Azula, com sua mentalidade firme. Tirando tudo isso, ela é tática e consegue tomar vantagem da situação, independente do quão terrível ela for e a colocar em seu favor.

Habilidades[editar | editar código-fonte]

Azula se revela profissional da muito difícil na arte de criar raio, uma sub-técnica da Dobra de Fogo.

A característica mais notável das dobras de fogo de Azula é sua capacidade de criar raios e sua características chamas azuis, as duas muito mais intensos e fortes do que o fogo vermelho, laranja e amarelo normalmente usado por dobradores de fogo. No segundo season finale Azula é vista usando suas chamas para impelí-la para frente como um jato. Também notável é sua capacidade de produzir chamas muito maiores do que as mostradas antes por outros dobradores de fogo. Ela também é capaz de carregar seu fogo antes de soltá-lo, como foi visto na luta contra Aang no episódio A broca. Essas habilidades, quando combinadas com suas habilidades em artes marciais e sua agressividade, a fazem extremamente perigosa e mortal. Até agora, Azula é a inimiga mais perigosa de Aang, tendo derrotado-o duas vezes em combate ("The Drill" e "The Crossroads of Destiny"), lutando também contra o grupo de Zuko e a Aang ao mesmo tempo ("The Chase").

Ela também é muito boa em atuação, a qual ela usa para iludir um inimigo. Ela tem um incrível controle dela mesma, e é etiquetada como "amedrontadora e inspiradora" ao mesmo tempo.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikiquote Citações no Wikiquote