Batalha do Lago Regilo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde Julho de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Castor e Pólux lutando na Batalha do lago Regilo, ilustração de J.R. Weguelin para o livro Lays of Ancient Rome, de Thomas Macaulay.

A Batalha do Lago Regilo, travada no ano 493 a.C., foi o evento que encerrou temporariamente a rivalidade entre a República Romana e outros povos latinos. A batalha, que terminou com a vitória dos romanos, foi marcada pelo mito de que Castor e Pólux vieram do Olimpo para lutar ao lado dos romanos.

Segundo Suetônio, a família Enobarbo recebeu este nome quando Lúcio Domício, ao retornar para o país, recebeu de dois jovens gêmeos a missão de levar ao senado romano e ao povo de Roma a notícia da vitória, que ainda não era conhecida. Como sinal de sua divindade, os gêmeos fizeram a barba de Lúcio, que era negra, tornar-se da cor do bronze.[1]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Suetônio, Vidas dos Doze Césares, Vida de Nero, 1.1


Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.