Cemitério da Vila Formosa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Cemitério da Vila Formosa é uma necrópole pública localizada entre os distritos de Carrão e Vila Formosa.[1] , na cidade de São Paulo.

Localização[editar | editar código-fonte]

De acordo com os atuais mapas dos distritos de Vila Formosa e Carrão, o cemitério pertence ao território do distrito de Carrão, porém devido a constante urbanização da região faz com que perda-se à noção física dos distritos, sendo assim, confundindo a localização precisa do cemitério.

História[editar | editar código-fonte]

Fundado em 20 de maio de 1949, o Cemitério da Vila Formosa, ocupa uma área de 763.175 m². Desde a sua inauguração, já foram realizados mais de 1,5 milhão de sepultamentos. É uma necrópole usada, sobretudo, para enterros de pessoas das classe C, D e E.

Características[editar | editar código-fonte]

Dividido em duas alas, todo mês realizam-se uma média de 275 sepultamentos. Com dezoito salas para os velórios, o Vila Formosa possui três entradas.

Este cemitério ocupa a quarta maior área verde municipal da Cidade de São Paulo, só sendo superado pelos parques Anhangüera, Ibirapuera e o Parque do Carmo, também na zona leste paulistana, representando assim uma importante área verde para a zona leste da cidade. Por ser muito arborizado é usado diariamente para o lazer, principalmente das crianças e dos adeptos das caminhadas e corridas. Também é considerado o maior cemitério da América Latina.[2]

Ver mais[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • REZENDE, Eduardo Coelho Morgado - Metrópole da morte necrópole da vida: um estudo geográfico do Cemitério de Vila Formosa. São Paulo: Carthago Editorial, c2000

Referências