Clube Futebol Carvalheiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Clube de Futebol Carvalheiro é um clube da Ilha da Madeira, tendo sido fundado a 13 de Junho de 1937.1 Os seus fundadores foram Ulrique Diogo Viríssimo, César Vieira Gomes, José Tiago de Almeida, João de Oliveira e Manuel Policarpo de Sousa. Assumindo-se dede sempre como “uma agremiação de desportistas amadores”, conforme determinam os seus estatutos, é um dos históricos clubes da cidade do Funchal.2

Reza a história da coletividade, com origem na freguesia do Monte e hoje integrada na freguesia do Imaculado Coração de Maria, que o seu batismo deve-se a um majestoso carvalho que existia no atual local onde está instalada a sede social, inspirando os fundadores para a designação e criação de um novo movimento desportivo. A primeira reunião deste grupo de entusiastas desportivos terá decorrido a 6 de Junho de 1937 numa oficina de sapatos, propriedade de José Tiago de Almeida, a escassos metros da atual sede.3

Sete dias depois, aquele grupo de cinco elementos decidiu avançar para a constituição do clube, denominando-o de “Carvalheiro Futebol Club”. Cada um dos fundadores entrou com um escudo, para suportar as primeiras despesas, nomeadamente os equipamentos desportivos necessários para participar nas provas.

A situação geográfica do clube, numa zona então de forte densidade e desenvolvimento populacional, foi a mola impulsionadora para um significativo aumento de associados e atletas, que aproveitavam as instalações da coletividade para confraternizarem no final de tarde dos dias úteis e largas horas aos domingos e feriados. Um ano depois da sua fundação, o Carvalheiro conquistou o primeiro título do Campeonato da Promoção, em futebol. Paulatinamente, a coletividade foi afirmando também a sua identidade junto das camadas mais jovens do sítio do Livramento e arredores, apostando em modalidades como o ciclismo e o hóquei em patins, que alcançaram resultados positivos.

No futebol, conquistou quatro títulos de campeão da Promoção, chegando mesmo a disputar o Campeonato de Honra com Marítimo, Nacional e União, os três maiores clubes da Região, depois de uma brilhante vitória ante o Sporting da Madeira, em 1953. Entre a década de 60 e 80, o clube manteve a prática do futebol e hóquei em patins, tendo nesta última modalidade atingido a III Divisão Nacional. Na década de 90, o clube viveu períodos conturbados, vindo inclusive a encerrar toda a sua atividade desportiva.

Esta “travessia no deserto” durou até ao ano 2004, quando o clube voltou a inscrever a sua equipa de futebol nas provas da Associação de Futebol da Madeira, após a realização de alguns torneios de futebol promovidos no seu recinto, com o forte apoio da Junta de Freguesia do Imaculado Coração de Maria. Após uma tentativa falhada na modalidade de futsal, deu-se depois o ressurgimento do ciclismo e a abertura da secção de bilhar, modalidades ainda hoje praticadas no clube.

Na época 2012/13, o Carvalheiro assumiu-se como o clube de referência no ciclismo da Madeira, ao conquistar os campeonatos de estrada e de cross-country, resultado de uma aposta forte efetuada nesta secção. Venceu as oito provas do calendário regional, numa clara demonstração da sua hegemonia nesta modalidade.4

Referências

  1. VIRISSIMO, Ulrique Diogo. Estatutos do Clube de Futebol Carvalheiro. 25 de Julho de 1937.
  2. Diretório de Clubes do Concelho do Funchal. Disponível em <http://www.cm-funchal.pt/index.php?option=com_content&view=article&id=214&Itemid=252>.
  3. FERNANDES, Miguel.Jornal da Madeira, edição de 14 de Abril de 2000.
  4. SOUSA, Vasco.Jornal da Madeira, edição de 12 de Julho de 2013. Disponível em <http://impresso.jornaldamadeira.pt/noticia.php?Seccao=6&id=249819&sup=0&sdata=>.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Site oficial do clube

CF Carvalheiro no portal da Federação Portuguesa de Futebol

CF Carvalheiro em zerozero.pt