Clube Futebol Carvalheiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Clube de Futebol Carvalheiro é um clube da Ilha da Madeira, tendo sido fundado a 13 de Junho de 1937.[1] Os seus fundadores foram Ulrique Diogo Viríssimo, César Vieira Gomes, José Tiago de Almeida, João de Oliveira e Manuel Policarpo de Sousa. Assumindo-se dede sempre como “uma agremiação de desportistas amadores”, conforme determinam os seus estatutos, é um dos históricos clubes da cidade do Funchal.[2]

Reza a história da coletividade, com origem na freguesia do Monte e hoje integrada na freguesia do Imaculado Coração de Maria, que o seu batismo deve-se a um majestoso carvalho que existia no atual local onde está instalada a sede social, inspirando os fundadores para a designação e criação de um novo movimento desportivo. A primeira reunião deste grupo de entusiastas desportivos terá decorrido a 6 de Junho de 1937 numa oficina de sapatos, propriedade de José Tiago de Almeida, a escassos metros da atual sede.[3]

Sete dias depois, aquele grupo de cinco elementos decidiu avançar para a constituição do clube, denominando-o de “Carvalheiro Futebol Club”. Cada um dos fundadores entrou com um escudo, para suportar as primeiras despesas, nomeadamente os equipamentos desportivos necessários para participar nas provas.

A situação geográfica do clube, numa zona então de forte densidade e desenvolvimento populacional, foi a mola impulsionadora para um significativo aumento de associados e atletas, que aproveitavam as instalações da coletividade para confraternizarem no final de tarde dos dias úteis e largas horas aos domingos e feriados. Um ano depois da sua fundação, o Carvalheiro conquistou o primeiro título do Campeonato da Promoção, em futebol. Paulatinamente, a coletividade foi afirmando também a sua identidade junto das camadas mais jovens do sítio do Livramento e arredores, apostando em modalidades como o ciclismo e o hóquei em patins, que alcançaram resultados positivos.

No futebol, conquistou quatro títulos de campeão da Promoção, chegando mesmo a disputar o Campeonato de Honra com Marítimo, Nacional e União, os três maiores clubes da Região, depois de uma brilhante vitória ante o Sporting da Madeira, em 1953. Entre a década de 60 e 80, o clube manteve a prática do futebol e hóquei em patins, tendo nesta última modalidade atingido a III Divisão Nacional. Na década de 90, o clube viveu períodos conturbados, vindo inclusive a encerrar toda a sua atividade desportiva.

Esta “travessia no deserto” durou até ao ano 2004, quando o clube voltou a inscrever a sua equipa de futebol nas provas da Associação de Futebol da Madeira, após a realização de alguns torneios de futebol promovidos no seu recinto, com o forte apoio da Junta de Freguesia do Imaculado Coração de Maria. Após uma tentativa falhada na modalidade de futsal, deu-se depois o ressurgimento do ciclismo e a abertura da secção de bilhar, modalidades ainda hoje praticadas no clube.

Na época 2012/13, o Carvalheiro assumiu-se como o clube de referência no ciclismo da Madeira, ao conquistar os campeonatos de estrada e de cross-country, resultado de uma aposta forte efetuada nesta secção. Venceu as oito provas do calendário regional, numa clara demonstração da sua hegemonia nesta modalidade.[4]

Referências

  1. VIRISSIMO, Ulrique Diogo. Estatutos do Clube de Futebol Carvalheiro. 25 de Julho de 1937.
  2. Diretório de Clubes do Concelho do Funchal. Disponível em <http://www.cm-funchal.pt/index.php?option=com_content&view=article&id=214&Itemid=252>.
  3. FERNANDES, Miguel.Jornal da Madeira, edição de 14 de Abril de 2000.
  4. SOUSA, Vasco.Jornal da Madeira, edição de 12 de Julho de 2013. Disponível em <http://impresso.jornaldamadeira.pt/noticia.php?Seccao=6&id=249819&sup=0&sdata=>.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Site oficial do clube

CF Carvalheiro no portal da Federação Portuguesa de Futebol

CF Carvalheiro em zerozero.pt