Consoante vibrante simples

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto.
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Modos de articulação
Obstruente
Oclusiva
Africada
Fricativa
Sibilante
Soante
Nasal
Vibrante
Simples
Múltipla
Aproximante
Líquida
Vogal
Semivogal
Lateral
Fluxo de ar
Ejetiva
Implosiva
Clique
Esta página contém informações sobre fonética usando AFI, e podem ser exibidos incorretamente em alguns navegadores. Saiba mais

A consoante vibrante simples, é um tipo de consoante acusticamente semelhante à vibrante múltipla,[1] que pode ser realizada de duas formas diferentes.[2]

  • tepe: é produzido através de um curto toque entre os articuladores, posicionando o articulador ativo em direção ao céu da boca, como em português caridade.
  • flepe: é produzido através de um curto toque movendo o articulador ativo em tangente para o contato com outro articulador, como em alguns dialetos do inglês (americano e australiano) city.

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Peter Ladefoged; Ian Maddieson. The Sounds of the World's Languages (em inglês). Oxford: Blackwell, 1996. ISBN 0-631-19814-8