Crenação

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.

A crenação é uma plasmólise das hemácias quando colocadas em meio hipertônico. O contrário de hemólise. Ocorrendo a saída excessiva de água, a célula murcha, dando origem a crenação, ocorrendo danos irreversíveis à célula podendo levá-la a morte.

Um exemplo é a mielinólise pontina, que é um dano neurológico temível e irreversível ocasionado por uma destruição da bainha de mielina (camada de revestimento de células nervosas) do tronco cerebral. Pode ser causada, na maioria das vezes por uma hiponatremia (diminuição dos níveis plasmáticos de sódio) corrigida rapidamente, mas o alcoolismo, a desnutrição, a síndrome de Wernicke-Korsakoff, a caquexia, aumentam o risco de mielinólise pontina, sendo esta uma conseqüência de outras condições.

Ícone de esboço Este artigo sobre Biologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.