Darth Bane: O Caminho à Destruição

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Caminho à Destruição (Path of Destruction, no riginal em inglês) é um livro de Star Wars que focaliza na vida de Darth Bane e a queda da Era dos Sith. Foi escrito por Drew Karpyshyn e lançado no dia 26 de setembro de 2006. O livro acontece entre 1026-1000 ABY.

Resumo[editar | editar código-fonte]

Apatros[editar | editar código-fonte]

Nascido com o nome Dessel no planeta Apatros, ele era maltratado pelo pai, Hurst. O pai o culpava por tudo, inclusive a morte da sua esposa. Sempre chamava Dessel de Bane (Ruína). Com 13 anos de idade começou a trabalhar nas minas com o pai. Durante os anos nas minas ele apanhava do pai e os amigos do pai. Ele se tornou forte e começou a usar a força sem entendê-la, nem saber controlá-la. Hurst morreu de infarto, e 5 anos depois Dessel foi exigido a fugir de Apatros

A Academia da Irmandade[editar | editar código-fonte]

Depois de fugir de Apatros ele se inscreveu na Irmandade de Escuridão- um exército de Lordes dos Sith e seus guerreiros seguidores. Sua habilidade na força atraiu a atenção de Lorde Kopecz e Dessel foi mandado para a Academia da Irmandade no planeta Korriban para ser treinado nas artes dos Sith. Ao entrar na academia Dessel passou a ser chamado Bane. Ele atraiu o interesse dos instrutores quando matou um outro estudante com a força.

Contudo, Bane percebeu que havia causado a morte do próprio pai. Esse conhecimento criou um impedimento psicológico que o fez se retirar da força por um tempo. Bane estudou nos arquivos da academia e conheceu uma trânsfuga dos Jedi chamada Githany. Com a ajuda dela ele recupera seus poderes na força, e se torna mais poderoso que qualquer outro estudante. Ele também se torna um mestre do Sabre de luz escondido dos outros na academia.

Bane percebeu que a nova ordem dos Sith havia se corrompido. Ele saiu da academia para o Vale dos Lordes Sombrios em busca dos segredos dos Sith antigos. Ele não achou o que estava procurando e resolveu sair de Korriban em busca dos segredos ao mesmo tempo que os estudantes e Lordes da academia estavam saindo para guerrear no planeta Russan.

Rakata Prime[editar | editar código-fonte]

Darth Bane viajou para o planeta Rakata Prime- o local da última batalha entre a República e as forças de Darth Malak 3.000 anos antes. Ele descobriu um Holocron deixado por Darth Revan. Ele completou seu teinamento aprendendo várias técnicas dos Sith, inclusive a "thought bomb" (bomba de pensamento) que é ativada por um grupo de Sith e mata todos sensivéis à força que estejam por perto.

Foi nesse tempo que Bane concebeu a "Regra de Dois"- Somente deverá haver dois Lordes dos Sith, um mestre para encarnar o poder e um aprendiz para almejar o poder. Ele resolveu destruir a Irmandade e implementar a nova ordem dos Sith.

Russan[editar | editar código-fonte]

O Líder da Irmandade, Lorde Kaan, mandou Ka'Sim (um Mestre do Sabre de luz) para ou convencer Bane a voltar para a irmandade ou matá-lo. Depois de uma luta intensa Bane matou Ka'Sim.

Bane mandou uma mensagem para Kaan, fingindo remorso por matar Ka'Sim e pedindo para se unir novamente à irmandade. Githany se voluntariou para assassinou Bane tentando envenená-lo com batom envenenado. Bane consegiuiu sobreviver e foi para Russan. Ele usou decepção fazendo o exército pensar que quer tomar o lugar de Kaan. Tentando reganhar a confiança do exército Kaan decidiu fazer a "thought bomb" para destruir os Jedi, não sabendo que vai também destruir os Sith. Quando a "thought bomb" foi ativada todos os sith e jedi por perto morreram, deixando Bane como o único sobrevivente. Ele encontrou uma menina chamada Zannah para ser seu aprendiz.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre literatura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.